53

[VOLTAR]

 

 

20 SET 2010

 

 

Concurso Público Nacional de Projetos para o Porto Olímpico

O IAB-RJ assinou em 9 de setembro de 2010, com a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro na sede do COB, o Acordo para realização do Concurso Público Nacional que vai selecionar os Estudos Preliminares de Arquitetura e Urbanismo para os equipamentos olímpicos, permanentes e temporários, que serão construídos na área do Porto da Cidade do Rio de Janeiro. Dentre os equipamentos permanentes estarão as Vilas de Mídia e de Árbitros, e os Centros Operacional de Tecnologia e de Mídia não credenciada. Os Centros Principais de Operações, Credenciamento e de Distribuição destacam-se entre os equipamentos temporários que também serão objetos do Concurso. Os Estudos deverão ainda prevê a urbanização dos entornos.

   Essa é uma importante vitória no sentido da revitalização do Centro do Rio, bem como para a contribuição dos arquitetos brasileiros à qualidade dos jogos olímpicos de 2016./ www.iabrj.org.br

|TOPO|


Sem limite de espaço e de tempo

Inhotim inaugura obras de artistas que têm história com a coleção da instituição

Miguel Rio Branco, Hélio Oiticica e Neville D’Almeida, Dominique Gonzalez-Foerster e Rirkrit Tiravanija. Artistas consagrados no cenário da arte contemporânea mundial que terão trabalhos permanentes inaugurados no Inhotim, no próximo dia 23 de setembro. Além das obras permanentes, o Instituto também vai inaugurar novos trabalhos temporários, de seis diferentes artistas, que estarão expostos nas galerias Mata, Praça e Lago. “Inhotim já conquistou o avanço espacial e conceitual de suas obras”, avalia o diretor artístico e curador, Jochen Voz.

   A escolha dos artistas é fruto de um minucioso trabalho da curadoria, que passa anos observando obras que estão sendo desenvolvidas em todo o mundo. “Cada um dos trabalhos selecionados para a nova exposição tem uma história própria com a coleção do Inhotim”, conta o curador. É o caso, por exemplo, de Miguel Rio Branco, artista que está sendo colecionado há um bom tempo. “Acompanhamos o trabalho dele pelo menos nos últimos dez anos”, explica Volz.

   O desejo institucional de fortalecer a presença dos artistas Hélio Oiticica & Neville D’Almeida na coleção do Inhotim tornou possível a construção de uma galeria permanente dedicada exclusivamente às cinco Cosmococas já produzidas pelos artistas. A galeria, equipada com cinco salas e um hall central, é como um labirinto, sem sequência pré-estabelecida para visitação. “As pessoas podem se perder por horas lá dentro”, conta Jochen. No Brasil, as Cosmococas foram exibidas juntas uma única vez, em 2005, no Centro Hélio Oiticica, no Rio de Janeiro. Para Volz, “poder voltar sempre ao Inhotim e encontrar as cinco obras funcionando é algo muito especial”.

   Alguns projetos foram criados de forma comissionada, dentro do conceito de site-specific, isto é, os artistas projetam as obras de acordo com as possibilidades oferecidas pelo lugar escolhido para a montagem e num grande diálogo com a curadoria da instituição. É o caso das obras dos artistas Dominique Gonzalez-Foerster e Rirkrit Tiravanija.

   Instigada pela paisagem ao redor e pela ideia de trabalhar ao ar livre, Dominique criou um parque dentro de outro parque para Desert Park (2010). “Foi ela mesma quem escolheu o local onde a obra está instalada”, informa Jochen. Uma pequena coleção de pontos de ônibus de concreto, pré-fabricados, foi criada pela artista e colocada sobre uma base de areia branca. Para o diretor artístico, a instalação, resultado de cinco anos de trabalho, é uma escultura para ser usada. “Na obra, os visitantes podem aproveitar, entrar e sentar, além de ser um convite a leitura pois alguns livros estão disponíveis dentro dos pontos”.

   Para Inhotim, Tiravanija adaptou o trabalho Palm Pavilion, criado originalmente para a 27ª Bienal de São Paulo. “Tiramos a obra de um espaço fechado de uma galeria e colocamos ao ar livre”, conta o também curador Rodrigo Moura. Inspirada na famosa construção Maison Tropicale, do arquiteto francês Jean Prouve, a obra tem como tema central o universo das palmeiras e foi pensada de forma conjunta entre artista, curadoria artística e curadoria botânica do Instituto. Cerca de 130 indivíduos de sete espécies diferentes de palmeiras estão plantadas no local. “Neste caso abusamos da diversidade”, relata o curador botânico, Eduardo Gonçalves.

   Galerias temporárias - Trabalhos já apresentados antes e que se encaixam perfeitamente à linha curatorial do Inhotim serão inaugurados em caráter temporário nas galerias Mata, Praça e Lago. A cada dois anos, a instituição reconfigura alguns de seus espaços expositivos para instalar obras que ainda não foram expostas no Instituto, ou foram adquiridas recentemente. “Com isso criamos uma rotatividade e uma dinâmica de nossa coleção”, conta o curador Rodrigo Moura.

   Na nova mostra temporária, apenas obras de dois artistas já estiveram em exposição no Instituto. É o caso dos brasileiros Ernesto Neto e Alexandre da Cunha. Além deles, as exposições por tempo determinado, cerca de dois anos, recebem trabalhos dos artistas Diango Hernández, Laura Vinci, Marcellvs L e Marcius Galan.

   Desde a inauguração do Inhotim, ocorrida em outubro de 2006, todos os anos novas exposições foram inauguradas, com exceção de 2007, período em que o Inhotim se firmou como um dos espaços mais importantes da arte contemporânea mundial. Para Jochen Volz, o constante crescimento, e o tempo em que as obras ficam expostas é o diferencial da instituição. “A proposta do Inhotim é trabalhar sem as limitações de tempo e espaço. Por isso optamos por uma temporalidade muito extensa em nossas exposições. E essa possibilidade de crescer sempre é um privilégio que estamos trabalhando” afirma.

   Os curadores -  Allan Schwartzman, curador-chefe de Inhotim, é um dos fundadores do New Museum, em Nova York. Foi crítico de arte de várias publicações internacionais, como The New York Times e Artforum International. Atualmente trabalha como consultor para coleções particulares nos Estados Unidos. / Jochen Volz é curador e diretor artístico do Instituto Inhotim (Brumadinho - MG). Foi co-curador da 53a Bienal de Veneza em 2009 e curador convidado da 27ª Bienal de São Paulo em 2006. Entre 2001 e 2004, foi curador do Portikus em Frankfurt/Alemanha. Como crítico colabora para revistas e publicações especializadas. / Rodrigo Moura é curador do Inhotim, editor e crítico de arte. Foi curador assistente (2001-2003) e curador (2004-2006) do Museu de Arte da Pampulha, em Belo Horizonte. Em 2008, foi curador da mostra “Paralela – De perto e de longe”, no Liceu de Artes e Ofícios, em São Paulo, e, em junho de 2009, da exposição “Mirante”, individual de Mauro Restiffe no Photo España, em Madri.

   Instituto Inhotim - O Inhotim caracteriza-se por oferecer um grande conjunto de obras de arte, expostas a céu aberto ou em galerias temporárias e permanentes, situadas em um Jardim Botânico, de rara beleza. O paisagismo teve a influência de Roberto Burle Marx (1909-1994) e em toda a área são encontradas espécies vegetais raras, dispostas de forma estética, em terreno que conta com cinco lagos e reserva de mata preservada. O Instituto Inhotim, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público – OSCIP, além desses espaços de fruição estética e de entretenimento – que lhe garantem um lugar singular entre outras instituições do gênero - desenvolve também pesquisas na área ambiental, ações educativas e um significativo programa de inclusão e cidadania para a população do seu entorno.

   Arte Contemporânea - O acervo artístico abriga mais de 500 obras de artistas de renome nacional e internacional, como Adriana Varejão, Helio Oiticica, Cildo Meireles, Chris Burden, Matthew Barney, Doug Aitken, Janet Cardiff, entre outros. O Inhotim se diferencia de outros museus por oferecer ao artista condições para a realização de obras que apenas em seu parque poderiam ser construídas.

   O acervo do Inhotim vem sendo formado desde meados de 1980, com foco na arte produzida internacionalmente dos anos 1960 até os nossos dias. Pintura, escultura, desenho, fotografia, vídeo e instalações de renomados artistas brasileiros e internacionais são exibidos em galerias espalhadas pelo Jardim Botânico.

   Meio ambiente - A área total do Jardim Botânico Inhotim, em constante crescimento, está distribuída em seus dois principais acervos: Reserva Natural, com 300 hectares de mata nativa conservada, e área de visitação, com 100 hectares de jardins de coleções botânicas e cinco lagos ornamentais que somam 3,5 hectares de área.

   Mas os jardins de Inhotim não são somente um local de contemplação estética. É neste contexto que Inhotim realiza estudos florísticos, catalogação de novas espécies botânicas, conservação ex situ e uso paisagístico de espécies como forma de sensibilização popular pela preservação da biodiversidade.

   Atualmente são cultivadas, no Jardim Botânico Inhotim, mais de 4.500 espécies de plantas. O acervo botânico é bem representado por grupos com valor paisagístico, sendo uma das maiores coleções de palmeiras do mundo, com mais de 1.300 espécies crescendo nos viveiros e jardins.

   Inclusão e Cidadania - O Inhotim tem se tornado um vetor fundamental para o desenvolvimento socioeconômico do município de Brumadinho e de seu entorno. Projetos como o Inhotim Encanto e Coral e Iniciação Musical valorizam a vocação da região e mobilizam crianças, jovens e adultos. Importante interlocução também tem sido estabelecida com os empresários da região para o incremento de suas atividades econômicas, além de diversos projetos em parceria com o poder público local./ www.inhotim.org.br

|TOPO|


ProCOa 2010

5ª edição do Projeto Circuito Outubro Aberto, movimento de abertura de ateliês de artistas plásticos - Espaços para Reflexões do Contemporâneo, de 1º a 31 de Outubro

Fórum de apresentação dia 29 de setembro, às 14h30 no MUBE com Olivio Guedes, Organizador Curatorial

   O ProCOa Projeto Circuito Outubro aberto surgiu de um movimento de abertura de ateliês de artistas plásticos residentes em São Paulo para dar acesso ao processo de pesquisa, desenvolvimento e construção da produção artística como um todo, que teve como concepção e curadoria Risoleta Córdula( 1937-2009).

   Neste ano de 2010, com a organização curatorial de Olívio Guedes, ocorrerá paralelo a 29ª Bienal Internacional de São Paulo.

   Os 14 participantes do circuito em 2010 mantém seus ateliês em diferentes bairros da cidade e advêm de diversas áreas: artistas nas diversas trajetórias e mídias, críticos, pesquisadores e marchands. Esta variedade de caminhos, pesquisas e experimentações, amplia a reflexão para a arte hoje.

   Serviço: PROCOA - PROJETO CIRCUITO OUTUBRO ABERTO - 2010 - 5º ano / Organizador Curatorial: Olivio Guedes / Programação: CIRCUITO: Abertura do espaço de 14 artistas que ocorrerá no mês de Outubro, paralelo a 29ª Bienal Internacional de São Paulo /  visitas agendadas por e-mail do artista / FÓRUM - Procoa – ITINERARIUS II - dia 29 de setembro de 2010 às 14hs - MuBE - Museu Brasileiro da Escultura, São Paulo - SP / ARTE NO MUNDO, MUNDO DA ARTE - lançamento do Veiculo#2 - Circuito Outubro Aberto - Realização: ProCOa, Grupo de Pesquisa em Cultura e Arte do Lazer e Turismo da Universidade de São Paulo - USP e UNED - Universidad Nacional de Educación a Distancia - Espanha. - Participantes: Olivio Guedes - pesquisador de artes plásticas, Edson Leite - USP, Enrique Martínez Glera - UNED - Espanha / FÓRUM - Procoa – ITINERARIUS III - dia 20 de outubro de 2010 às 9.30hs - MuBE - Museu Brasileiro da Escultura, São Paulo - SP - PROCOA - Circuito Outubro Aberto - Participantes: Olivio Guedes - pesquisador de artes plástica, Lucia Py e Cildo Oliveira - artistas plásticos, Isis Audi - cineasta - vídeo circuito aberto, Rubens Espírito Santo – pensador e artista , criador do projeto universidade livre de arte e coordenador pedagógico do vocaional artes visuais, Rubens Curi - ator - trecho do Espetáculo Cênico Musical “Pegasus II Desvario” / Veículo - O Veículo#1 foi publicado em maio de 2010. O veículo #2 será lançado durante o FÓRUM - Procoa – ITINERARIUS II, no dia 29 de setembro.

   As visitações poderão ser agendadas entre os dias 01 e 31 de Outubro diretamente pelo e-mail de cada um dos 14 artistas participantes: Lucia Py - luciamariapy@yahoo.com / Cildo Oliveira - cildooliveira@terra.com.br / Rubens Espirito Santo - Rubens.e.s@terra.com.br / Fernando Durão - fernandodurao@terra.com.br / Monica Nunes - monicanunes_artes@ig.com.br / Carmen Gebaile - carmengebaile@yahoo.com.br / Gersony Silva - info@gersony.com.br / Luciana Mendonça - lucianamendonca@me.com / Lucy Salles - lucyx@terra.com.br / Paula Salusse - psalusse@uol.com.br / Thais Gomes - ppptag@uol.com.br / Angela Maino - angelamaino@gmail.com / Rubens Curi - novacasadorubens@gmail.com / Pitti Marrone - pittimarrone@terra.com.br / “O momento atual da arte é de plena dúvida. O Procoa uma proposta aberta de reconhecimento do conhecimento, não só contemporâneo, mas do atual movimento artístico. No agora “não existe mais o artista, o observador, o acadêmico e o mercado” (Anne Cauquelin, 2006), assim não existindo mais no formato tradicional (separadas), continuam autônomas existindo em um único espaço/tempo. “Vivemos objetivamente: o hibridismo.” Olivio Guedes pesquisador de artes plásticas, diretor cultural do Mube e integrante do conselho consultivo do Procoa - olivioguedes@terra.com.br
|TOPO|


EcoTech 2010: São Paulo recebe o maior evento de Arquitetura e Construção Sustentável
São Paulo sediará o Fórum Internacional EcoTech 2010, maior evento do país nas áreas de Arquitetura e Construção Sustentável. Organizado pela Academia de Engenharia e Arquitetura (AEA) e pela Arqpress, o encontro dará continuidade ao grau de excelência dos debates, troca de experiências e geração de conhecimento das quatro edições anteriores.

   Tendo como tema principal “Desafios e Tendências para uma Arquitetura Sustentável: Materiais e Energia”, o EcoTech 2010 está estruturado em três sessões de debate. Os temas abordados serão “Energia”, “Materiais” e “Projeto Integrado”. Também estão programados dois workshops, focados em “Energia” e “Materiais.

   Já estão confirmadas as presenças de grandes expoentes da arquitetura internacional, como Blaine Brownell (da empresa Transmaterial, dos Estados Unidos), Bill Dunster (da Bedzed, Inglaterra) e Marc Hole (da EM2N, Suíça), além de importantes nomes do cenário brasileiro, como Newton Massafumi (Gesto Arquitetura), Marcelo Morettin (Andrade Morettin), José Armênio de Brito Cruz (Piratininga), Cláudio Conz (Anamaco), Ricardo Baitelo (Greenpeace), Gilson Paranhos (IAB), Sílvio Melhado (Poli-USP), Cecília Mueller (Escritório Arq Eficiente) e Daniela Corcuera (Diretora Técnica do EcoTech 2010).

   Os debates terão a participação de um seleto público formador de opinião, formado por profissionais ligados aos segmentos de Arquitetura e Construção Sustentável, de organizações públicas, privadas e do Terceiro Setor, como arquitetos, engenheiros, projetistas, construtores, incorporadores, agentes do mercado imobiliário, consultores, professores e pesquisadores.

   Haverá ainda uma programação chamada “Arquitetura in Loco – Green Buildings em São Paulo”, com visitas programadas a alguns edifícios da cidade que já empregam conceitos de Sustentabilidade, como o Novo Pavilhão Hospital Israelita Albert Eintein (Pavilhão Vick e Joseph Safra), Rochaverá Corporate Towers, Eldorado Tower, Edifício Harmonia e a Megaunidade Santana do Laboratório Delboni Auriemo. Informações e inscrições: www.forumecotech.com.br

|TOPO|


13º Congresso Brasileiro de Paisagismo acontece de 23 a 25 de setembro

“O Projeto de Paisagismo em Escala Urbana – Parques, Praças e Condomínios Verticais e Horizontais” é o tema central do Congresso

De 23 a 25 de setembro acontece, no Pavilhão de Exposições do Anhembi, o 13º CONGRESSO BRASILEIRO DE PAISAGISMO, cujo tema central é “O Projeto de Paisagismo em Escala Urbana – Parques, Praças e Condomínios Verticais e Horizontais”.

   O evento é parte integrante da 13ª FIAFLORA EXPOGARDEN - Feira Internacional de Paisagismo, Jardinagem, Lazer e Floricultura e tem como objetivo debater a aplicação de projetos paisagísticos nos municípios brasileiros. Para inscrever-se, o interessado pode entrar no site oficial da feira, www.expogarden.com.br, clicar na seção “Eventos Simultâneos”, fazer o download da ficha de inscrição, preenchê-la e enviá-la para congresso@expogarden.com.br.

   A programação do Congresso será composta por 11 paineis temáticos que mostrarão diversos exemplos de projetos paisagísticos que refletem o movimento para harmonização, embelezamento e melhoria da qualidade ambiental do espaço público e privado nas cidades brasileiras. A palestra de encerramento será internacional, ministrada pela arquiteta paisagista mexicana Claudia Harari, membro do atual conselho da Escolha de Desenho de Harvard, nos Estados Unidos, e professora da Escola de Arquitetura da Universidade TEC, de Monterrey, no México.

   O 13º CONGRESSO BRASILEIRO DE PAISAGISMO conta com o apoio e coordenação da ABAP – Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas.

   Serviço: 13º CONGRESSO BRASILEIRO DE PAISAGISMO / de23 a 25 de setembro de 2010 / das 9h às 16h / Pavilhão de Exposições do Anhembi. Av. Olavo Fountora, 1209, Santana, São Paulo, SP/ (11) 3845-0828 / thsfeiras@uol.com.br / 13ª FIAFLORA EXPOGARDEN - Feira internacional de negócios de paisagismo, jardinagem, lazer e floricultura
de 23 a 26 de setembro de 2010 / Quinta e Sexta (23 e 24/9): das 12h às 21h / Sábado e Domingo (25 e 26/9) das 10 às 21h / Pavilhão de Exposições do Anhembi. Av. Olavo Fountora, 1209, Santana, São Paulo, SP / (11) 3845.0828 / thsfeiras@uol.com.br / OBS: Não é permitida a entrada para menores de 16 anos, mesmo que acompanhados / www.expogarden.com.br
|TOPO|


Curso de Saneamento Ecológico

De 15 a 17 de outubro de 2010 com Johan Van Lengen e Peter Van Lengen

No curso serão abordadas as técnicas do Bason (Sanitário Seco), Filtro Biológico de Água Cinza e Captação de Água de Chuva.

   O Bason (sanitário seco) desenvolvido por Johan van Lengen, é um protótipo baseado na tecnologia consagrada em diversos países do mundo, que transforma os dejetos humanos em adubo orgânico. É "seco" porque não utiliza água, e "compostável" pois se vale de um processo bioquímico que, por meio da ação de bactérias e microorganismos, converte os dejetos em composto orgânico fértil e isento de patogênicos. E, principalmente, é "ecológico" por se aproveitar dos ciclos biológicos naturais não tendo como produto o esgoto e, portanto, não contaminando a água.

   Água cinza é um termo geral para água proveniente das pias, do chuveiro, da máquina de lavar roupa e do tanque, ou seja, a água que não contém contaminação de esgoto ou fecal. A água cinza uma vez tratada por meio de filtros biológicos poderá ser reutilizada.

   A água de chuva que cai no telhado da edificação poderá ser captada, armazenada, e reaproveitada. No curso aprende-se a fazer as placas da caixa, como montá-las e como instalar os acessórios (assentos, tubos de ventilação e tampas).
  
Serviço: TIBÁ em Bom Jardim, RJ / VAGAS LIMITADAS / CUSTO Curso de SANEAMENTO ECOLÓGICO por pessoa: R$600,00 que pode ser parcelado em: R$300,00 de entrada para reservar sua vaga, e uma parcela de R$300,00. (incluindo hospedagem, alimentação e material). / FICHA DE INSCRIÇÃO E INFORMAÇÕES (21) 9601.7501 / www.tibarose.com

|TOPO|


“III Encontro do Conhecimento” coloca em pauta arte contemporânea e arquitetura com Ricardo Julião e Fernanda Feitosa

Arquiteto e diretora da SP-Arte colocam suas opiniões, críticas e conceitos sobre a arte contemporânea, revelando a linha tênue que existe entre o universo das artes plásticas e gráficas e a arquitetura

No dia 21 de outubro, o arquiteto Ricardo Julião receberá a empresária, colecionadora e diretora da SP-Arte – Feira Internacional de Arte de São Paulo, Fernanda Feitosa, no auditório do Edifício “Cardoso de Mello” para a realização do “III Encontro do Conhecimento”. O evento, idealizado pelo arquiteto, fundador e presidente do escritório “Ricardo Julião Arquitetura e Urbanismo”, traz nessa edição o tema “Arte Contemporânea e Arquitetura”.

   O intuito do evento é promover o esclarecimento e debate sobre o real conceito de arte contemporânea e suas vertentes. Fernanda Feitosa deverá conduzir o Encontro elucidando conceitos e teorias que envolvem o universo das artes (plásticas e gráficas em geral - pinturas, gravuras, fotografias, entre outras), no Brasil e no mundo, até chegar ao tema arquitetura, área do domínio de Ricardo Julião.

   O Encontro será também enriquecido com as participações dos arquitetos Pedro Vieira e Ana Heloisa Santiago, formados pela FAU – Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP, e da estudante de arquitetura de Erika Rufino, também da FAU. Essa equipe trabalha diretamente com Fernanda na produção da “SP-Arte”, atuando nas áreas de design, arquitetura e comunicação visual.

   A ideia do tema surgiu através da percepção do arquiteto Ricardo Julião sobre a aplicação do termo “contemporâneo” em diversos segmentos hoje em dia. Segundo ele e seu ponto de vista sobre a arquitetura, podemos perceber que o termo “contemporâneo” é muito utilizado, mas não pelo que ele realmente significa - “do mesmo tempo; do tempo atual”, um adjetivo, segundo dicionários -, e sim por ser encarado como uma linha artística específica e conceitual.

   Como apreciador de artes, Ricardo entende arte como “a própria humanidade”. “Desde os homens das cavernas, passando pelas pirâmides egípcias, até grandes e mais recentes movimentos artísticos – como o modernismo (movimento cultural inovador da primeira metade do século XX) –, o homem vai se revelando entre as formas de expressões artísticas, contexto no qual a arquitetura se insere”, diz Ricardo.

   Segundo o ponto de vista de Ricardo, o verdadeiro artista/ arquiteto não deve se voltar para modelos antigos e ultrapassados. “Os tempos são outros... As necessidades, e os contextos geográfico e histórico de nossos clientes mudam com o passar dos anos. Temos que acompanhar isso!”, coloca Ricardo.

   Por isso Ricardo aposta em criações com alguns aspectos contemporâneos, mas não necessariamente seguindo o que hoje muitos chamam de estilo contemporâneo: “Considerando o meu ponto de vista, sempre mais voltado para a arquitetura, esse conceito de estilo é muito vago, genérico, sinônimo de liberdade de criação exacerbada. Por isso, se alguém quiser classificar o meu trabalho, prefiro que o façam apenas de atemporal!”.

   Fernanda Feitosa - Formada em direito pela Faculdade de Direito - Universidade de São Paulo (Largo São Francisco), Fernanda se consolidou profissionalmente nas áreas de artes.

   Empresária e colecionadora de arte, Fernanda é a idealizadora e diretora da SP-Arte – Feira Internacional de Arte de São Paulo, desde a primeira edição desta, em 2005. Hoje, a feira é considerada a mais importante da América Latina, nesse segmento, e é muito elogiada por colecionadores na Europa. Em sua sexta edição, realizada em maio de 2010, a feira reuniu uma seleção das melhores 80 galerias de arte do mundo – 70 nacionais e 10 estrangeiras.

   Foram mais de 2,5 mil obras, de 1,4 mil artistas que participaram, oferecendo um amplo panorama da produção artística moderna e contemporânea aos 16 mil visitantes que prestigiaram o evento em seus quatro dias de funcionamento.

   Fernanda também é idealizadora e diretora da SP-Arte/Foto, a maior feira de fotografia do país, com quatro edições já realizadas.

   Encontro do Conhecimento - “Arte Contemporânea e Arquitetura” faz parte do programa “Encontro do Conhecimento”, iniciativa do arquiteto Ricardo Julião, que tem como objetivo trazer à tona temas relevantes, seja para profissionais das áreas de arquitetura, construção, design, artes e similares, como para qualquer outro que tenha interesse em conhecimento. “O intuito é agregar valores ao nosso trabalho e proporcionar o mesmo para os interessados, público em geral... Compartilhar cultura é um dos nossos princípios!”, enfatiza Ricardo Julião.

   O primeiro Encontro promovido pelo escritório “Ricardo Julião Arquitetura e Urbanismo” foi “Construções em Encostas: Avaliação de Riscos e Métodos de Prevenção”, conduzido pelos engenheiros Antônio Sérgio Damasco Penna e Luiz Cholfe, em março desse ano. Enquanto a segunda edição, “O Poder da Comunicação Corporativa”, aconteceu em julho, com a consultora de comunicação Lígia Velozo Crispino.

Serviço: “Arte Contemporânea e Arquitetura” / Local: Auditório Victory - Av. Dr. Cardoso de Melo, 900, Vila Olímpia, São Paulo (SP) - térreo / 21 de outubro de 2010 (quinta-feira) / das 17h às 18h30 (mais 30 minutos de café) / Aberto ao público – evento gratuito (vagas limitadas) / Organização, promoção e apoio - “Ricardo Julião Arquitetura e Urbanismo” / Confirmação de presença até o dia 15/10 pelo telefone (11) 3847-1910 (falar com Eduardo) ou pelo e-mail eduardo.tavares@ricardojuliao.com.br (por favor, passar nome completo, profissão, e-mail e telefone para contato)/ www.ricardojuliao.com.br

|TOPO|


Começa, em Curitiba, a Bienal Brasileira de Design
MinC prevê investir R$ 10 milhões no setor este ano e aproximar o design da comunidade

A terceira edição da Bienal Brasileira de Design começou dia 14 último e vai até o dia 31 de outubro. O tema deste ano será Design Inovação e Sustentabilidade. A edição 2010 do maior evento do país na área do desenho industrial ocorre em Curitiba, é organizada pelo Centro de Design Paraná e pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (FIEP) e conta com apoio do Ministério da Cultura (MinC), por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura (Lei Rouanet), com cerca de R$ 4 milhões.

   O diretor de Estudos e Monitoramento de Políticas Culturais do MinC, Afonso Luz, ressalta que o design está presente em nossa cultura, na moda, no artesanato, na arquitetura e na cultura digital, o que o torna foco principal das ações do ministério. “Temos previsto um investimento de 10 milhões de reais nesta área, ainda este ano", revelou o diretor. Os recursos do MinC sairão do Fundo Nacional de Cultura e deverão estimular a economia da cultura em várias cidades brasileiras, que ainda estão sendo selecionadas, e serão empregados na construção de mobiliário urbano e cultural e na recuperação dos já existentes. "A preocupação do MinC é aproximar o design da comunidade através de mostras itinerantes”, acrescentou. Luz representará o ministro da Cultura, Juca Ferreira, na Bienal de Design e participará do painel Pensando em Design, na quinta-feira (16).

   O encontro reúne criadores, empresários e profissionais do setor, e tem repercussão no mercado internacional. É uma exposição voltada para a excelência da produção nacional, realizada a cada dois anos, em diferentes capitais do país. Além de apresentar as novidades do mercado brasileiro, visa, também, aumentar a percepção da sociedade sobre a importância do design no cotidiano das pessoas e no desenvolvimento do País. Este ano, o tema do evento destaca a reflexão sobre o comprometimento do design com noções de desenvolvimento sustentável, valorizando a criação de produtos industrializados ambientalmente responsáveis, economicamente inclusos e socialmente justos.

   Serviço: Bienal Brasileira de Design 2010 / 14 de setembro a 31 de outubro / Centro de Exposições Horácio Sabino Coimbra (CIETEP) / Rua Comendador Franco, 1341 – Jardim Botânico, Curitiba, PR / www.bienalbrasileiradedesign.com.br

|TOPO|


Fernando Stickel promove exposição de fotos na Vila Brasilândia

Presidente da Fundação Stickel expõe fotografias do seu livro Vila Olímpia até 6 de outubro

Amantes de fotografia têm até o dia 6 de outubro para conferir a exposição fotográfica do arquiteto e artista plástico Fernando Stickel, do livro Vila Olímpia, na Casa de Cultura da Brasilândia. A iniciativa é promovida pela Fundação Stickel, que desenvolve o acesso de moradores de comunidades carentes à cultura e à arte contemporânea brasileira.

   As fotografias foram tiradas entre 2004 e 2005, no bairro da Zona Sul de São Paulo. A intenção de Fernando é mostrar a inovação da arquitetura da Vila Olímpia que, segundo o artista, é mesclada entre antiga e moderna.

   Com fotos feitas em close, a idéia é mostrar os detalhes que não são percebidos nem por aqueles que moram e vivem no bairro, assim como um prédio que pode ser completamente diferente, se visto de perto através de uma lente.

   Fernando Stickel já foi premiado no Salão Paulista de Arte Contemporânea. Possui obras nos acervos do MAM paulista, na Pinacoteca do Estado de São Paulo e em coleções particulares de São Paulo, Rio de Janeiro, Nova Iorque, Los Angeles, Houston e Barcelona.

   Fernando Stickel - Em 1973, formou-se arquiteto pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo (FAU-USP). Fernando, que também é artista plástico, designer gráfico, fotógrafo e poeta, ministrou aulas de desenho em seu atelier por 20 anos. Expôs em diversas galerias e publicou dois livros: um de fotos, Vila Olímpia, pela Editora Terceiro Nome, e outro de poesias, Aqui Tem Coisa (o título também dá nome a seu blog, que desenvolve há seis anos), pela Editora DBA. Em 2004, assumiu a presidência da Fundação Stickel, posto que ocupa até hoje.

   Serviço: Exposição Vila Olímpia, do artista plástico Fernando Stickel / Até 6 de outubro / Casa de Cultura da Brasilândia / Praça Benedita Cavalheiro s/n - São Paulo, SP (em frente ao Colégio João Solimeo) / de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h / (11) 9983.9995 (Thais) | thais@fundacaostickel.org.br / Realização: Fundação Stickel e Subprefeitura Freguesia - Brasilândia / www.fundacaostickel.org.br

|TOPO|


Madelustre inova ao lançar complementos decorativos para luminárias
Outubro marca o lançamento da Linha Décor da Madelustre. A empresa, com 25 anos de tradição em luminárias, amplia suas criações oferecendo também ao mercado uma linha de objetos decorativos

credito das fotos Valdir Ben

A Madelustre torna-se a pioneira no setor a lançar complementos de decoração para harmonizar com luminárias, permitindo aos profissionais da área a combinação destes dois elementos tão significativos na decoração de ambientes.

   Agora os objetos decorativos e as luminárias podem compor um estilo único, facilitando a sua aplicação em combinações complementares, elegantes e extremamente práticas.

   A linha Décor da Madelustre será comercializada nas melhores lojas de decoração do país a partir de outubro de 2010. São peças exclusivas, concebidas graças ao uso de tecnologia na fabricação de vidro importada da Itália e introduzidas na Madelustre a partir de 2008 por especialistas e mestres na produção de vidros de Murano.

   A nova linha de objetos decorativos segue o design dos lançamentos 2010 da Madelustre e também das consagradas linhas Country e Medieval.

   Tradição em qualidade - Fundada na Serra Gaúcha em 1984 pelos irmãos Clóvis, Miguel e Rui Furlanetto, a Madelustre especializou-se na produção de estruturas em madeira e metal para luminárias, projetando-se rapidamente pela qualidade de seus produtos.

   A Madelustre é referência em qualidade e design no setor de iluminação no Brasil. Além da consagrada coleção Country com forte combinação de madeira, metal e vidro, produz linhas completas de luminárias decorativas incluindo lustres, abajures, arandelas, spots, abajures de piso, pendentes, plafons e acessórios decorativos, que se destacam pelo design exclusivo.

   Os produtos Madelustre estão em lojas de decoração de todos os estados brasileiros, com presença também nos Estados Unidos e países da América Latina, para onde são exportados 13% da produção./ www.madelustre.com.br
|TOPO|


Fastframe / Moldura na Hora Unidade Granja Viana recebe exposição de giclées de Maurice Prowizur

A exposição, que terá início no dia de reinauguração da loja, dia 25 de setembro, marca uma guinada na Unidade Granja Viana após passar por uma repaginada. Agora ela conta com todo o portfólio de produtos, serviços e a tecnologia de ponta da FastFrame / Moldura na Hora. Nada melhor do que comemorar esse momento com arte!

   Foram selecionadas 5 obras para exposição que virão no formato de giclée, ou seja, uma nova técnica de impressão digital com uma tecnologia sofisticada e de alta resolução. Os quadros de Maurice são impressos em tela tornando-se tão perfeitos quanto os originais que hoje se encontram em coleções particulares. O giclée hoje é visto como um novo modo de expressão artística e já foi reconhecido na arte contemporânea. A exposição ficará instalada nas dependências da unidade por 10 dias, dando a oportunidade aos clientes de estabelecer um contato mais próximo com a arte em cada visita a loja.

   Essa confluência de ações é vital para a FastFrame / Moldura na Hora, por estar sempre em busca de novas tecnologias para transformar os projetos mais cotidianos em verdadeiras obras de arte. Com a exposição, além de fomentar a arte, a FastFrame ainda ajuda a inspirar seus clientes no momento de concepção de parte da sua decoração.

   Maurice Prowizur (1933-2002) nasceu na Bélgica em uma família judaica e foi muito marcado por questões ligadas a religião. Chegou a morar em Israel depois da Segunda Guerra Mundial e mais tarde morou no Brasil, onde trabalhou como decorador no eixo Rio-São Paulo. Apesar de ter adotado outra profissão além de artista plástico, não deixou de produzir enquanto estava aqui, chegando a participar da Bienal de São Paulo em 1963. Viveu ano país até o início da Ditadura Militar, quando, temendo a repressão, voltou à Bélgica. Com um talento inegável notado até por Chagall em ocasião de sua visita a Israel, Prowizur deixou mais de 50 telas.

   Serviço: FastFrame / Moldura na Hora – Unidade Granja Viana / Rua José Félix de Oliveira, 836 / Granja Viana, Cotia, SP / (11) 4671.3599 / granja@fastframe.com.br / de 25-9 a 02-10 / De segunda a sexta das 8h às 19h e aos sábados das 10h às 14h / Ilustrando este texto encontram-se, lado a lado, a obra Enlacement de 1980 (óleo sobre tela, 125x80cm, coleção particular) e o giclée (125x80cm) que fará parte da exposição na FastFrame / Moldura na Hora /SAC: 0800 10 85 85 – www.fastframe.com.br

   Mais quatro lojas: até dezembro, cidades de Goiânia (GO), Salvador (BA), São José dos Campos (SP) e Aracajú (SE) contarão com os serviços especializados de emolduração rápida, tecnologia de ponta e produtos exclusivos da FastFrame / Moldura na Hora. O objetivo da FastFrame é levar a essas cidades as soluções de decoração inovadoras da marca, como emolduração de quadros, espelhos, pôsteres entre outros objetos em até uma hora. Além disso, as lojas possuem oficina própria e são capazes de atender desde decoradores, arquitetos, até o consumidor final. A FastFrame / Moldura na Hora é a maior rede de moldurarias do mundo e no Brasil conta com mais de 50 unidades / 0800.10.8585 / www.fastframe.com.br
|TOPO|


Orbitato é finalista no Prêmio Objeto Brasileiro

   O Instituto Orbitato participou da 2ª edição do Prêmio Objeto Brasileiro, www.acasa.org.br, com os trabalhos realizados pelas mulheres da comunidade da cidade de Pomerode na Oficina Mãos Femininas, que faz parte das Usinas Sócio-Criativas. Dentre designers, artesãos, associações e instituições, o prêmio teve 281 inscritos e 398 objetos/projetos de 16 estados do país. O júri foi coordenado por Christian Ullmann e teve como jurados Baba Vacaro, Jum Nakao, Mara Gama e Renata Mendes.

   Com descartes têxteis elas criam tanto as capas como também o recheio de almofadas e esse Trabalho selecionado projeto Mãos Femininas e trabalho de Samira Silva Costaprojeto foi um dos selecionados na primeira etapa do Prêmio Objeto Brasileiro, que há dois anos vem premiando iniciativas ligadas ao design e a produção artesanal.

   Além de ter um projeto selecionado, o Orbitato comemora a seleção do trabalho de Samira Silva Costa, aluna da segunda turma de pós-graduação em Criação e Desenvolvimento de Produto para Moda e Design. Junto ao Instituto Orbitato, Samira começou a desenvolver peças com a fibra de bananeira, de Corupá/SC, e com muita técnica e conhecimento estético tem feito produtos incríveis.

   “Agora vamos partir para próxima etapa do Prêmio e estamos bem confiantes no trabalho realizado até o momento, vamos torcer para vencer e continuar a criar novos produtos para as próximas edições do Objeto Brasileiro” avalia Celaine Refosco diretora do Orbitato.

   Com sede na cidade de Pomerode, estrategicamente inserido no pólo da indústria têxtil de Santa Catarina, o Orbitato é um Centro de Estudos, em Arquitetura, Moda e Design, que se propõe a articular o relacionamento entre a indústria e as inúmeras forças criativas do mercado, potencializando o surgimento de cultura e inovação.

   Sua programação de cursos, oficinas e eventos voltados ao complemento e à especialização dos estudos tradicionais é capaz de reunir em um mesmo espaço profissionais renomados - como Ana Lúcia Niepceron, Suzana Salquin, Ronaldo Fraga, Luis Fernando Campanella, Sandra Harabagi e Jum Nakao - com colaboradores das grandes empresas da região, além de profissionais de criação das mais diferentes áreas e procedências./ Informações: Celaine Refosco (47) 9157.3314 / www.orbitato.com.br
|TOPO|


Inédita técnica de esculturas de cerâmica e bronze com barriga de gestante eterniza a maternidade

Carey Evans é uma artista canadense pioneira de “Bellies”, uma nova criação original no Brasil. Esta recém forma de arte de Carey é uma escultura do tronco ou da barriga da gestante (“Life bowls”). A idéia é celebrar e valorizar a mulher de uma nova maneira, de modo que algo valioso possa ser passado da mãe para seus filhos. Num mundo onde a idéia de manter objetos por gerações parece ficar cada vez mais escassa, a fotógrafa e artista plástica decidiu criar um objeto que estivesse sempre na moda. “Algo que perdurasse no tempo e trouxesse excelentes lembranças de momentos únicos”, enfatiza Carey.

   A forma da barriga durante a gravidez é o símbolo mais simples e puro da maternidade. Este é um período em que as mães se rendem a uma força maior, deixando a natureza seguir o seu curso, realizando o ciclo da vida. E com as esculturas feitas de gesso, bronze ou cerâmica, podem ser guardadas como lembrança, e cada gravidez pode ser eternizada. Além disso, Carey encontrou uma maneira inovadora de trabalho. Muito inusitada no Brasil, a procura por novidades foi o item determinante na escolha do ramo.

   Processo - “Bellies” é um molde 3D da barriga das futuras mamães. A confecção deste molde é segura, rápida e fácil. E o melhor: ainda é feita na privacidade da sua casa em menos de uma hora ou se preferir, no estúdio de Carey. Os três passos simples a serem feitos são:

   Passo 1 - A vaselina é aplica à pele para uma fácil remoção do gesso / Passo 2 - O gesso é passado em água morna e aplicado diretamente no corpo / Passo 3 - Deixe o gesso no corpo de 10 a 15 minutos para endurecer, e depois o molde desprenderá do corpo facilmente.

   Este molde de gesso 3D é deixado em nosso estúdio para ser customizado de acordo com as suas necessidades. Ele pode ser decorado ou deixado em sua forma natural.

   Para fazer a Bellies com outro material, como por exemplo na cerâmica ou no bronze, é utilizado o molde de gesso como primeira etapa./ www.bellies.com.br
|TOPO|


Poltrona Mess, da linha Mdesign da Mannes, será exposta durante Bienal Brasileira de Design, em Curitiba

Mostra ‘Novíssimos’, com curadoria de Ivens Fontoura, apresenta destaques do mercado e das universidades

A poltrona Mess, um dos destaques da linha MDesign, da Mannes, será exposta durante a mostra Novíssimos, da Bienal Brasileira de Design, que começou ontem (14.09) e vai até o dia 31.10, no Criação de Roberto Mannes Jr. participará da mostra ‘Novíssimos’ (Crédito da foto: Studio M)Centro Integrado dos Empresários e Trabalhadores do Estado do Paraná (Cietep), em Curitiba.

   Criada pelo designer Roberto Mannes Jr, Mess é uma poltrona montada sobre uma estrutura em jatobá maciço e com almofadas em algodão cru, recheadas de plumas de ganso. A peça é parte da MDesign, que reúne importantes nomes do design brasileiro.

   “A poltrona Mess resgata muitas memórias afetivas em seu projeto conceitual. Explora de forma lúdica o inesgotável imaginário infantil. É difícil quem não tenha, entre as reminiscências de infância, a cadeira de balanço do avô, o cavalinho-de-pau, as redes de balanço, ou o próprio balanço do playground. Do ponto de vista da sustentabilidade, Mess utiliza madeira reflorestada, tecido, ferro e plumas que são biodegradáveis ou recicláveis”, afirma Mannes Jr.

   A mostra Novíssimos tem curadoria do presidente da Associação Brasileira de Críticos de Design (ABCD), Ivens Fontoura, e reúne 53 produtos brasileiros de design destacado. Os produtos expostos foram selecionados por um júri composto por Nelson Ivan Petzold, Geraldo Pougy (Centro de Design Paraná), Gisele Leiva do Rio (ADP) e Roger Rieger (ABEDesign). Na seleção final estão participantes do Amazonas, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Goiás e DF./ www.mannes.com.br

   Serviço: Bienal Brasileira de Design – Mostra Novíssimos / Local: Fiep – Cietep / Av. Comendador Franco 1341, Jardim Botânico, Curitiba, PR/ 41 3018.7332 / Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 13h às 20h30, exceto às quartas-feiras, das 9h às 20h30
|TOPO|


GBC Brasil organiza delegação para a Greenbuild Chicago 2010

Pacote oferece privilégios exclusivos e programação especial ao grupo brasileiro

A ONG GBC Brasil, em parceria com o Departamento Comercial da Embaixada Americana, organiza Delegação Oficial para o Greenbuild International Conferece and Expo 2010, que acontece entre os dias 14 e 19 de novembro, em Chicago, Estados Unidos. As entidades prepararam uma programação de atividades especial para o maior salão de exposição do mundo voltado para as construções sustentáveis.

   Um dos diferenciais dessa missão será o acompanhamento de um representante do Departamento Comercial dos Estados Unidos para auxiliar na identificação de oportunidades e produtos de interesse na feira. Também haverá suporte para a realização de reuniões exclusivas com expositores e um intérprete estará disponível para encontros previamente agendados.

   Na ocasião, a delegação brasileira terá a oportunidade de conhecer os principais edifícios certificados do mundo. Estão programadas visitas técnicas para o HOK Chicago LEED (com certificação CI Platinum), College of Du Page (maior campus de uma faculdade pública americana), Chicago Center for Green Tecnology (primeiro prédio municipal renovado nos EUA que recebeu a certificação LEED Platinum) e Chicago Merchandise Mart (maior prédio LEED no mundo).

   Pacote - O pacote sugerido inclui cinco noites de hospedagem, passagem aérea São Paulo/Chicago/São Paulo, em classe econômica da American Airlines; traslado aeroporto/hotel/aeroporto; traslados para feira; transporte exclusivo para visitas técnicas; acompanhamento de coordenador da operadora, do Departamento Comercial da Embaixada Americana e dos executivos do GBC Brasil; um dia de programação com visitas técnicas e seguro viagem.

   O investimento por pessoa é de US$ 2.305,00 em apartamento duplo e US$ 2.783,00 em apartamento individual. As vagas são limitadas.

   Para obter mais informações: BrazilUSA Turismo (11) 5083.2323 / www.gbcbrasil.org.br
|TOPO|


Greenbuilding Brasil supera expectativas, lota auditorios e atrai visitantes de todo o mundo

Com o que há de mais atual e avançado em construção sustentável, 1ª GREENBUILDING BRASIL - CONFERÊNCIA INTERNACIONAL & EXPO, organizada pela Reed Exhibitions Alcantara Machado e pelo GBC Brasil foi marco para a construção sustentável do país

Nos dias 2 e 3 de setembro, a capital paulista foi palco para a maior discussão sobre sustentabilidade na construção civil da América Latina. A 1ª GREENBUILDING BRASIL - CONFERÊNCIA INTERNACIONAL & EXPO reuniu nos auditórios da Fecomércio mais de 900 pessoas, de várias partes do mundo. No terceiro dia do evento, a programação foi itinerante e os participantes foram visitar quatro dos principais empreendimentos sustentáveis do país.

   Ponto-chave para o sucesso do evento, os dados econômicos sobre o setor motivaram o público presente. Com custo 6% maior que os padrões convencionais, a construção sustentável garante retorno financeiro a curto prazo, em dois ou três anos. O retorno se dá por conta da implantação de modernas tecnologias que geram 30% de redução no consumo de energia, 25% menos emissões de CO2, reduzem entre 30% e 50% o uso de água e em até 60% a quantidade de resíduos durante a obra. Os dados foram apresentados na abertura do evento, na palestra de Nelson Kawakami, CEO do GBC Brasil. Outros dados da apresentação mostraram que a maior barreira no crescimento da construção sustentável é falta de informação.

   Mas a resistência por parte dos empresários começa a mudar. Pesquisa do CTE (Centro de Tecnologia de Edificações) e da CriActive revela que 41% do volume de obras no Brasil já são de empresas envolvidas com técnicas sustentáveis. O número de empreendimentos que aderem ao processo de certificação pulou de um, no ano de 2004, para 162 em 2009, ocupando mais de 6 milhões de m2. Para 2010, a expectativa do GBC Brasil é fechar o ano com 250 novos empreendimentos em processo de certificação. Atualmente, o Brasil possui 19 edificações com a certificação LEED (o maior selo mundial da construção sustentável), o que garante ao país o 5º lugar no ranking quantitativo de construções sustentáveis, atrás apenas de EUA, Emirados Árabes, Canadá e China.

   A 1ª GREENBUILDING BRASIL - CONFERÊNCIA INTERNACIONAL & EXPO aconteceu nos mesmos padrões da consolidada Greenbuild americana, um importante fórum de disc ussão sobre construção sustentável no EUA. No Brasil, o evento atraiu um público altamente qualificado. Composto em sua maioria por arquitetos, engenheiros, consultores e especialistas da área de construção civil, os participantes puderam participar de mais de 50 palestras, além de visitar um espaço com estandes de amostras de projetos e produtos do segmento. Entre visitantes, expositores e palestrantes estiveram presentes estrangeiros do EUA, Japão, Holanda, México, Coréia e Argentina.

   De acordo com Marcia Coimbra, Gerente da Unidade de Negócios de Congressos da Reed Exhibitions Alcantara Machado, já em sua primeira edição o evento foi um sucesso. "O feedback que recebemos do público, dos palestrantes e dos patrocinadores foi imediato e positivo. Em cada palestra, a participação do público, interagindo e perguntando, deixou claro o interesse das pessoas em entender mais sobre construção sustentável. Os corredores da exposição lotados é outro fator que evidencia esse interesse."Diante da alta procura, o evento já tem data no calendário da promotora para o próximo ano: de 29 a 31 de agosto, também na Fecomércio.

   O depoimento dos patrocinadores: A Johnson Controls, que participou de todas as edições do evento americano, marcou presença na edição brasileira. "Esta primeira edição demonstra a preocupação do mercado brasileiro focado em adequar-se à normas e procedimentos mais sustentáveis e eficientes. Nosso país vive um momento de grandes investimentos na construção civil em que é indispensável investirmos também na economia de recursos para construção ou mesmo na adaptação de um sistema existente, tornando-o mais rentável em vários aspectos. O público foi muito receptivo e ávido por novas informações sobre o assunto" afirma Monica Quibao, Diretora de Marketing do grupo. / Para Sergio Guerra, Diretor Comercial da Denver Impermeabilizantes, o evento atendeu a uma iniciativa que o mercado já vinha solicitando. "Indústria, engenheiros, pesquisadores, profissionais e o público em geral estão redescobrindo os benefícios desse mercado. A organização foi muito feliz na escolha dos temas das palestras e seus palestrantes, o que levou a um público extremamente selecionado e interessado em conhecer os novos recursos que a sustentabilidade oferece." / Fernando Mendes, coordenador de marketing da Scopel Desenvolvimento Urbano, destacou a Conferência como excelente espaço na troca de experiência para as empresas. "Foi uma oportunidade única de posicionar nossa empresa perante ao mercado, além de se atualizar, por meio da troca de informações aos expositores e palestras, com o que há de mais atual sobre o tema." / João Redondo, Gerente de Sustentabilidade da Duratex S.A - Divisão Deca, diz que participar da 1ª GREENBUILDING BRASIL - CONFERÊNCIA INTERNACIONAL & EXPO está de acordo com a política de sustentabilidade da empresa. "Estamos entre os precursores, no Brasil, do movimento de desenvolver produtos economizadores que contribuem com o meio ambiente e de trazer o conceito da sustentabilidade para o mercado da construção Civil. Discussões como as que tivemos na conferência são de extrema importância para o desenvolvimento de economias e sociedades espalhados pelo mundo. Vivemos um momento de repensarmos as formas de crescimento." / Para Eginaldo Franzão, Gerente de Produtos, da Sherwin Williams do Brasil Tintas e Vernizes, a primeira fabricante de tintas a desenvolver produtos inovadores voltados à sustentabilidade, o evento marcou uma nova fase da construção verde no Brasil. "A organização trouxe um público qualificado para as palestras e com isso pudemos apresentar nossa empresa e produtos alinhados ao tema central do evento. A aproximação com profissionais e consumidores atentos ao tema, faz com que todo o mercado seja influenciado e com isso o conceito de sustentabilidade na construção civil é disseminado com maior eficácia." / Membro do ONG Green Building Council em todo o mundo, a Lutron Electronics aposta no apoio à sustentabilidade. "Este evento é extremamente importante porque ajuda a comunicar a existência de soluções sustentáveis e boas práticas. O conhecimento é o que faz diferença para as pessoas", explica Jorge Orillac, Engenheiro de Marketing Internacional da empresa. / Robson Previatti, Gerente de Produto da LG Electronics, afirma que certamente a empresa também estará presente nas próximas edições do evento. "A LG tem produtos e soluções de acordo com a tendência de Prédios Verdes no segmento comercial (B2B). Justamente para mostrar isso, aproveitamos a oportunidade de ligar a imagem B2B da LG com um evento com a credibilidade que o GBC Brasil possui." / Da Remaster, Paulo Vinicius L. Jubilut e Paulo Paschoal, sócios-diretores da empresa, explicam que "o panorama atual das grandes cidades exige reflexão e ações eficazes em busca da sustentabilidade, principalmente no universo da construção civil. A 1ª Greenbuilding Brasil - Conferência Internacional & Expo foi uma iniciativa pioneira na união de empresas, profissionais e entidades do setor com o objetivo de contribuir, cada vez mais para viabilizar a qualidade de vida e a real ecoeficiência na construção de um mundo melhor para nós e futuras gerações".

   O evento foi aberto até para que outros certificadores relacionados à construção sustentável participassem. Coordenador Executivo do Processo AQUA na Fundação Vanzolini, Manuel Carlos Reis Martins considera a 1ª edição da Greenbuilding Brasil 2010 – Conferência Internacional grande sucesso de público. "Além dis so, a programação e conteúdo apresentados demonstraram alta qualidade. No espaço de exposições, o encontro foi caracterizado por empresas e soluções sustentáveis de grande relevância para o setor da construção civil".
|TOPO|


Brasil estréia no ArtNhow!

Pedro Franco é o primeiro brasileiro a participar da mostra Art Nhow em Milão

Considerado o único hotel de design em Milão, na Itália, o Nhow Hotel é uma referência no assunto em todo o mundo. Com localização privilegiada na Zona Tortona, promove todos os anos a mostra ArtNhow!, que reúne os melhores designers atuais de todo o globo. A convite da curadora Elisabetta Scantamburlo, o head designer Pedro Franco, que coordena a Ronconi Concept e está à frente da grife A Lot Of, será o primeiro brasileiro a participar da exposição Special Needs, com data marcada a partir do dia 17 de agosto de 2010 a 3 de abril de 2011.

   “Preocupei-me muito em exibir fortemente a brasilidade do artesanato em minhas criações. Com produtos lúdicos e interativos, cada mobiliário exibe um pouco da história do hand made e do expertise brasileiro. Acredito que o desafio em driblar a falta de alta tecnologia e mão de obra especializada nos gera resultados inéditos e diferenciados”, explica Franco.

   Além do privilégio em exibir o seu trabalho representando o Brasil pela primeira vez, Franco ainda recebeu um andar inteiro para expor na mostra, em que exibirá os móveis assinados: Antropófago - conhecido também como Dreadlock Seating - feito em estrutura metálica com espuma injetada e cordas de escalada em nylon; Under Construction, poltrona com estrutura em aço e revestida com tiras de feltro; chaise Primavera com pés em alumínio pintado e capa feita à mão com a técnica de fuxico; poltrona Orbital, confeccionada a partir de câmaras de pneu e lycra; e Supernova, poltrona com base de alumínio e revestimento em lycra.

   Para Franco o resultado dessa exposição é mostrar que a criatividade do brasileiro com técnicas manuais inéditas e o aproveitamento de materiais simples do dia a dia destacam a sofisticação na simplicidade do design.

   Serviço: Exposição: Special Needs – Art Nhow / Localização: Nhow Hotel - Via Tortona 35, 20144 - Milão - Itália / De 17 de agosto de 2010 a 3 de abril de 2011 / Horário de funcionamento: Sem restrição. Aberto 24h no complexo do Nhow Hotel.
|TOPO|


São Carlos transforma entulhoem praças ecológicas

Município está instalando Ecopontos para recolher entulho de construção civil

A cidade de São Carlos (SP) está transformando o entulho proveniente da construção civil em blocos, bancos e mesas para as praças públicas do município. Duas praças já foram entregues à população e uma terceira está em fase de construção.

   João Muller, presidente da Progresso e Habitação de São Carlos S/A (Prohab), empresa pública municipal, ressalta que, além de reduzir os custos de materiais, a transformação do entulho em peças para as praças contribui para a preservação do meio ambiente. “São Carlos está avançando muito na reutilização do entulho”, destaca.

   O município já instalou um Ecoponto, que recebe entulho de construção civil dos munícipes do bairro São Carlos 8. No total, a cidade vai contar com oito unidades, que devem receber entulhos por meio de carroceiros e pequenos veículos (com capacidade para até 1m3). A cidade produz diariamente cerca de 450 toneladas de entulho.

   Esses materiais são encaminhados para a fábrica de blocos da prefeitura, que recicla aproximadamente 100 toneladas/dia de entulho, transformando-os em bica corrida, areia, pedra e pedrisco. Uma parte desses produtos é utilizada na preservação das estradas rurais de São Carlos e outra é destinada à fábrica de blocos.

   Na fábrica, 14 detentos da Penitenciária de Itirapina trabalham em duas prensas na produção de 7.500 peças por dia, entre outros materiais. Os produtos são utilizados pela própria prefeitura e também vendidos para compradores interessados.

   A prefeitura utilizou cerca de 15 mil peças de bloquetes nas duas praças até agora entregues – uma no bairro Azulville e outra no Jardim Tijucas. Em breve, entregará outra unidade no bairro Cidade Aracy.
|TOPO|


MAENA assina projetos para o novo marco arquitetônico de Porto Alegre

Escritório desenvolveu para o Trend City Center o conceito arquitetônico para fachadas e Mall Boutique. Soluções valorizam a qualidade atemporal do empreendimento

O Trend City Center, da construtora Maiojama, já nasce com a perspectiva de se tornar um novo marco na paisagem urbana de Porto Alegre. Localizado em frente ao Rio Guaíba e ao Parque Marinha do Brasil, dois cartões postais, o empreendimento é o primeiro da cidade a adotar o conceito da multifuncionalidade, tendência nas grandes metrópoles do mundo. É composto por duas torres comerciais e uma residencial, além de um Mall Boutique, unindo, em um mesmo espaço, trabalho, moradia e lazer.

   A MAENA é um dos escritórios envolvidos no desenvolvimento do Trend City Center. Especializada em projetos integrados de arquitetura e design, a empresa assina o projeto conceitual das fachadas, além do projeto arquitetônico do Open Mall e de sinalização do conjunto.

   “A visão da Maiojama para as fachadas era de uma estética atemporal e, ao mesmo tempo, conectada às tendências da arquitetura contemporânea”, relata a arquiteta Roberta Rammê. “Buscamos, então, referências em edifícios ao redor do mundo – Hong Kong, São Francisco, Nova Iorque –, até encontrar a linguagem apropriada.”

   A solução proposta pela MAENA prima pela leveza, caracterizada pela quase inexistência de volumes horizontais. Uma pele de vidro, de baixo acima, extrapola os limites das torres comerciais, cobrindo, no topo, caixas d’gua e casas de máquinas. “Deixamos as torres o mais vertical possível. A iluminação marcante no alto contribui para acentuar essa qualidade”, conta Roberta.

   Clima de urbanidade - Mais do que um centro de compras e serviços, o Mall Boutique representa a ligação entre as três torres do Trend City Center. Aberto, o espaço teve sua organização divida em dois eixos de distribuição principais, marcados por pórticos metálicos, largos e transparentes, que ao se cruzarem criam perspectiva e ritmo.

   No eixo principal ou de acesso se destacam um espelho d´àgua e a vegetação escultórica. Já o eixo secundário, onde será instalada a área de alimentação, terá piso de porcelanato madeira.

   Segundo Aline Palma, diretora da empresa, a ideia por trás do projeto da MAENA é possibilitar aos frequentadores usufruir de espaços de qualidade. “Buscamos imprimir ao local um clima de urbanidade, valorizado por detalhes remetem à natureza ao bem-estar”.

   A MAENA - Fruto da união das bagagens individuais das arquitetas Aline Palma, Roberta Rammê e Michele Raimann, a MAENA é um escritório especializado no desenvolvimento de projetos integrados de arquitetura e design para clientes corporativos, com ênfase na elaboração de conceitos como base estratégica. Suas soluções vão de projetos de arquitetura, passando pelo desenvolvimento de identidade de marca até o principal ponto de contato com o consumidor-alvo, que é o ponto-de-venda. As construtoras Maiojoma, Cyrela, BNCorp e empresas como SONY, BR Supply e Fiateci são alguns dos clientes do portfólio da MAENA. / www.maena.com.br

|TOPO|


Universidade Secovi realiza em outubro curso internacional de Práticas Avançadas em Vendas Imobiliárias

O Sindicato mais uma vez inova ao oferecer qualificação de alto nível aos seus membros contribuindo para o aprimoramento do mercado; instrutores fizeram capacitação nos Estados Unidos pelo Council of Residential Specialists

A partir do dia 19/10, os profissionais imobiliários poderão cursar no Brasil e em português o curso internacional Real Estate Advanced Practices, ou traduzido, Práticas Avançadas em Vendas Imobiliárias, pela Universidade Secovi. O curso, oferecido nos Estados Unidos pelo Council of Residential Specialists (CRS), é uma especialização na comercialização de imóveis residenciais. A Uni Secovi enviou dois professores aos Estados Unidos para capacitação, tornando-se a única instituição no País a ter profissionais aptos a ministrar os treinamentos do CRS.

   “Mais uma vez o Secovi-SP tem uma iniciativa inovadora, obtendo destaque internacional como entidade imobiliária que busca a qualificação de seus membros e o aprimoramento do mercado”, afirma Guilherme Ribeiro, professor do curso ao lado de Laerte Temple, do Sindicato. Ribeiro é engenheiro pós-graduado em Perícias, Engenharia e Avaliações e instrutor da Uni Secovi, e Temple, diretor executivo da Universidade, mestre em Administração e doutor em Ciências Sociais - Relações Internacionais.

   “Com professores brasileiros, teremos algumas vantagens: quebra da barreira da língua, maior conhecimento do mercado imobiliário local e menor custo dos cursos, já que não será necessário pagar os custos de uma viagem internacional. Isto tudo é revertido em prol dos alunos”, destaca Ribeiro.

   De acordo com ele, ser um profissional com a certificação CRS nos EUA oferece um status importante e é um diferencial na categoria. “Estes corretores vendem, em média, o triplo dos Realtors, considerados os melhores corretores americanos”.

   Instrutores capacitados nos EUA - Os dois instrutores do curso realizaram treinamento de 40 horas pelo CRS, em Las Vegas, nos EUA, recentemente. “Já havíamos feito o processo para obter a certificação CRS, cumprido outras exigências e feitos alguns cursos online. Agora, estamos aptos a ministrar o curso do CRS no Brasil”, afirma Guilherme. O CRS, que tem 48 mil membros nos EUA e está presente em diversos países, representa os corretores de imóveis residenciais e é a maior associada à NAR, a associação americana de corretores de imóveis. Profissionais da África do Sul e do Egito também participaram da capacitação promovida pelo CRS, provando a ampliação da presença global do instituto.

   Estão previstas novas turmas até outubro de 2011 na Capital, nas regionais do Secovi e em outros estados, em parceria com a Federação Nacional dos Corretores de Imóveis (Fenaci).

   Formato do curso - O REAP será ministrado em quatro módulos: plano de negócios, marketing, estratégias de negociação e como trabalhar com os clientes. Na Capital, o curso será oferecido de 19/10 a 18/11, com aulas noturnas às terças e quintas-feiras, das 19 às 22h15.

   O material e o conteúdo são padronizados em todos os países onde é oferecido. “Porém, além da tradução para o português, daremos também exemplos e números referentes ao nosso mercado”, explica Guilherme.

   Serão fornecidos certificados da Universidade Secovi e do CRS aos alunos aprovados nas avaliações e que tiverem frequência de 100%. A participação vale 55 pontos para o Programa Qualificação Essencial (PQE) do Secovi-SP nos segmentos de Compra e Venda, Locação e Loteamento.

   Informações e inscrições pelos telefones: (11) 5591-1304 a 1307, e-mail: universidade@secovi.com.br e pelo site: www.universidadesecovi.com.br.
|TOPO|


Exposições de Sara Nach na Rússia e nos Estados Unidos

Uma escultura de bronze da artista plástica Sara Nach será a única a representar o Brasil, a partir do próximo dia 20, na In Family Unity – Unity of the World, exposição itinerante de esculturas e fotografias na Federação Rússia. Criada em 2005 e organizada pela Ekaterinburg Art Foudantion, a mostra já foi realizada em 25 regiões russas e tem como tema central a família

Já em outubro, a artista participará novamente, desta vez com cinco esculturas de bronze, da exposição na Ward-Nasse Gallery, em Nova York. Em março, Sara esteve em uma coletiva nessa galeria em homenagem ao Mês das Mulheres e teve todas as suas esculturas vendidas.

   Fundada no início dos anos 60 por Harry Nasse, em Boston, a Ward-Nasse mudou-se em 1970 para Nova York, no bairro do SoHo, onde desde então dedica-se a artistas do mundo todo. Frequentada anualmente por mais de 15 mil visitantes — entre colecionadores, jornalistas, críticos de arte, arquitetos, decoradores e compradores em geral —, a galeria expõe arte contemporânea, das executadas tradicionalmente até as formas de arte experimental.

   No País, as obras de Sara Nach estão expostas, até o próximo dia 13, no Sesi de São José do Rio Preto (São Paulo). Paulistana, ela é formada em Comunicação Social e já trabalhou para revistas, fascículos e livros. Na função de arte-educadora atuou em diversas escolas e oficinas de arte. Como artista plástica, escolheu a escultura como forma de expressão. Seus trabalhos são confeccionados a partir de materiais como argila, resina, ferro, bronze e alumínio. Catalogada em vários livros de arte, possui esculturas premiadas no Brasil e no exterior. / http://saranachbrazil.spaces.live.com
|TOPO|


Ricardo Julião é homenageado em prêmio da Casa Hope

Durante a primeira edição do “Prêmio Casa Hope de Responsabilidade Social” o arquiteto será homenageado pela contribuição efetiva na construção da sede própria da instituição, que cuida de crianças com câncer

No último dia 14, o arquiteto Ricardo Julião recebeu uma homenagem, em nome de todo o escritório “Ricardo Julião – Arquitetura e Urbanismo”, no “I Prêmio Casa Hope de Responsabilidade Social”, evento que será realizado na Sala São Paulo (Rua Mauá, 51, Campos Elíseos, São Paulo – SP). Ricardo é fundador, presidente e sócio principal do escritório “Ricardo Julião Arquitetura e Urbanismo”.

   O escritório foi homenageado por todo apoio, parceria, serviço e empenho depositados na “Casa Hope”, instituição 100% filantrópica, fun­dada em 1996, que dá apoio biopsicosso­cial e educacional para crianças e adolescentes caren­tes portadores de câncer e seus familiares, além de transplantados de medula óssea, rim, fígado e pân­creas, vindos de todo o Brasil.

   Há mais de um ano, a sede própria da “Casa Hope” foi inaugurada, com mais de 6 mil metros quadrados de área construída. Com o apoio de vários parceiros – em especial do arquiteto Ricardo Julião – e com a concessão do terreno pelo Estado, a construção se tornou realidade.

   Em 2003, Ricardo Julião e toda sua equipe de mais de 50 profissionais começaram a realizar os primeiros estudos para o desenvolvimento do projeto de arquitetura da sede própria da Casa Hope. Foram anos de trabalho, da criação ao desenvolvimento do projeto, até o acompanhamento à obra. O trabalho envolveu a doação de muitas horas de trabalho de toda a equipe do escritório. Foram dois anos, somente de obra, até a inauguração da Casa, em maio de 2009.

   A obtenção de grande parte dos fornecedores, que doaram materiais para a construção, e o trabalho por parte de vários outros profissionais e empresários também foram fundamentais para que o sonho da sede própria fosse concretizado.

   A instituição conta com 188 leitos, ampla área de lazer, dois refeitórios, salão para eventos, biblioteca, brinquedoteca, salas de aula, artes, TV, leitura e de convivência, além de outros ambientes.

   Ricardo Julião, que também foi vice-presidente da “Casa Hope” de 18 de outubro de 2006 até 31 de julho de 2009, fala sobre sua posição sobre responsabilidade social: “Responsabilidade social é uma postura adotada desde o nascimento de nosso escritório, há mais de 30 anos. Isso é educação, no sentido literal da palavra!”, coloca o arquiteto.

   Ricardo acrescenta: “A responsabilidade social é ‘não fechar os olhos para quem precisa de ajuda’. Isso começa com pequenas atitudes do dia-a-dia, como o simples respeito ao próximo à construção de uma instituição, como a Casa Hope, cujo projeto foi inteiramente doado por todos os integrantes da RJAU, com muita satisfação!”.

   O “Prêmio Casa Hope de Responsabilidade Social” tem o intuito de agradecer publicamente a todos aqueles (pessoas físicas ou empresas) que tornaram real o sonho da sede própria da instituição. Além do arquiteto Ricardo Julião, estão entre os homenageados: o Sr. Abram Szajman, presidente da FECOMERCIO; o Sr. Laércio A. Cesar, vice-presidente de TI do Bradesco; a Sra. Janete Martins, proprietária da Escola “Morumbi”; o Sr. Carlos Bier Gerdau Johannpeter, diretor-executivo da área de Negócios do Grupo Gerdau; o Sr. Luis Stuhlberger, diretor da Credit Suisse Hedging-Griffo; o Sr. Marcos Couto, presidente da Ace Seguradora; o Sr. Michael Klein, presidente da Casas Bahia; e o Sr. Paulo S. Alves, um dos sócios do Restaurante América./ www.ricardojuliao.com.br
|TOPO|


Empresa brasileira é referência no mercado em sistemas de reuso de água e captação de chuva

AcquaBrasilis oferece serviços que reduz consumo de água em torno de 30%, colaborando para a preservação do meio ambiente e agregando capital a empreendimentos de todos os portes

Atuante no segmento desde 2001, a AcquaBrasilis surgiu com a proposta num período em que a preocupação com o meio ambiente torna-se cada vez mais evidente em projetos empresariais e empreendimentos imobiliários, tornando um importante diferencial de compra para os consumidores.

   Com tecnologia de ponta, desenvolvida na Alemanha, e adaptada as necessidades dos projetos nacionais, a AcquaBrasilis é hoje uma referência de atuação no mercado de reuso de água, captação de água da chuva, potabilização de águas de mananciais, tratamento para fins não potáveis, como irrigação, em vasos sanitários, lavagem de roupas, carros, etc.

   Além disso, a empresa realiza a preparação de projetos e documentos técnicos exigidos pelos órgãos ambientais, estaduais e federais, para obras e empreendimentos que necessitem do licenciamento ambiental. Dedicada a soluções de minimização do consumo de água potável, com forte participação no desenvolvimento de projetos para certificações ambientais, foi a responsável pelo desenvolvimento de soluções em relação aos quesitos de preservação das águas que garantiu o selo LEED (protocolo de avaliação e certificação de edificações) para o empreendimento Eldorado Business Tower, em São Paulo.

   “Projetos sustentáveis são considerados hoje muito mais do que um investimento necessário, mas também, ações, produtos e ferramentas que proporcionam economia para os empreendedores e consumidores. Podem significar uma redução da conta de água, em média de, 30% ao mês, dedutível do valor das despesas mensais de condomínio para o consumidor final aliada a um tempo de retorno do capital investido pela construtora, em média de um ano. O baixo consumo de energia para o funcionamento de todo o sistema também é fundamental para garantir a sustentabilidade ambiental do sistema de reuso”, afirma a Engª Sibylle Muller, diretora da AcquaBrasilis.

   A empresa se diferencia das demais por oferecer não somente o produto final, mas sim um projeto adaptado às necessidades de cada empreendimento, seja de pequeno, médio ou grande porte; a instalação e manutenção de todo o sistema; e consultoria no que diz respeito a certificados e normas dos órgãos ambientais.

   Graças à sua versatilidade, já realizou mais de 95 projetos e atualmente está com outros 65 em andamento por todo o Brasil. Em seu portfólio inclui instituições, como Petrobrás, Gafisa, Camargo Corrêa, Passarelli (Novo Centro Adm. da Refinaria Cubatão - Petrobras), Feller, Tenda, Trisul, Tarjab, General Motors do Brasil, Exto, MB Brookfield, Porte, FW Engenharia, Concrejato, Tecnisa, Cury, Trisul, Loft, Prefeitura Municipal de Capivari, Rodoanel Mário Covas, entre outros./ www.acquabrasilis.com.br.
|TOPO|


Os benefícios tecnológicos da automação nos projetos arquitetônicos é tema de palestra da BTicino

Dentro do conceito da obra, a automação vem trazendo soluções de sustentabilidade, contemporaneidade da arquitetura, além de gerar economia de energia

Atualmente, a tecnologia tem sido implantada em todos os lugares, inclusive nas residências, com o objetivo de facilitar a vida das pessoas, promover segurança e modernidade. Para discutir com arquitetos, designers e decoradores sobre os benefícios da automação residencial e as novas tecnologias de edifícios inteligentes e sua ajuda na sustentabilidade do projeto, a BTicino, empresa do Grupo Legrand e fabricante italiana de comandos elétricos e sistema de automação, promove a palestra gratuita, nos dias 07 e 21 de outubro, quinta-feira, das 14h às 16h, na BTicino Concept Store.

   Direcionada a arquitetos, decoradores, profissionais do departamento de arquitetura de construtoras e de arquitetura em geral, a palestra irá demonstrar soluções de conforto e segurança para o usuário e que podem ajudar também a criar uma residência sustentável, como sensores de presença e outras soluções que comandam as luzes da casa de forma inteligente. Segundo estudos da empresa, o uso de forma racional da iluminação, por exemplo, pode gerar uma economia de mais de 35% no consumo elétrico de uma residência.

   Nesta ocasião, o participante conhecerá a BTicino Concept Store, loja conceitual da marca que pode ser usada como uma ferramenta para o profissional apresentar aos seus clientes o luxo em design dos acabamentos e a tecnologia de interruptores e tomadas e comandos elétricos, além dos modernos conceitos de automação residencial e comercial.

   Com 15 vagas, os interessados podem se inscrever pelo telefone (11) 3063 5537/5548 ou por e-mail no conceptstore@bticino.com.br

   Serviço: Local- BTicino Concept Store / Al. Gabriel Monteiro da Silva, 1525, Jardim Europa, São Paulo, SP / (11) 3063.5548 / de 07 e 21 de outubro, quinta-feira / das 14h às 16h /  0800.11.8008 / conceptstore@bticino.com.br
|TOPO|


Curso de agrofloresta

De 09 a 12 de outubro de 2010 com Ernst Götsch

No curso serão abordadas as técnicas dos princípios do sistema agroflorestal a serem aplicadas na recuperação de áreas degradadas, criando agroecossistemas parecidos aos ecossistemas naturais e originais com o cultivo consorciado de plantas anuais, bianuais e perenes. Criação de florestas compostas por espécies produtoras de sereais, frutas e produtos florestais, ao longo do manejo do SAF, possibilitando produção a curto, médio e longo prazo.Também serão abordadas técnicas ecológicas de manejo do solo, como o reaproveitamento sistemático de matéria orgânica e manejo permanente.

   Palavras de Ernst Götsch: "Estou tentando criar, em cada parte do mundo onde intervenho como agricultor, agroecossistemas que sejam parecidos, na sua estrutura e na dinâmica, ao ecossistema natural e original do lugar. Ao mesmo tempo, tento deixar como resultado de todas as minhas intervenções, algo positivo no balanço de vida e de energia complexificada em carbono, tanto no sub-sistema da minha intervenção, quanto no macroorganismo Planeta Terra, do qual somos apenas parte, e não mais importantes do que todas as outras espécies."

   Tópicos do Curso: Princípios de Sistema Agroflorestal dirigidos pela sucessão natural / Recuperação de áreas degradadas, criando agroecossistemas parecidos aos ecossistemas naturais e originais ao dos locais das nossas intervenções / Plantio intensivo e diversificado / Cultivo consorciado das anuais e bianuais como criadores de complexas florestas compostas por espécies frutíferas e florestais / Planejamento do SAF a curto, médio e longo prazo / Incorporação de vários estratos (plantas herbáceas, rasteiras, arbustivas e arbóreas de vários portes e estágios) / Análise de espécies de plantas presentes como indicadoras / Análise do estágio de sucessão das espécies / Reaproveitamento sistemático de matéria orgânica / Plantio direto com sementes e estacas / Colheita e manejo permanente / O curso será prático, com algumas aulas teóricas.

   Serviço: Local- TIBÁ em Bom Jardim - RJ / Vagas limitadas / Custo- Curso AGROFLORESTA por pessoa: R$800,00 que pode ser parcelado em: R$400,00 de entrada para reservar sua vaga, e um cheque pré-datado para 30 dias de R$400,00 a ser entregue no início do curso. (incluindo hospedagem, alimentação e material). Inscrições e informações: www.tibarose.com
|TOPO|


Rosenbaum assina projeto para Zipper Galeria

Galeria abre as portas com a exposição A CASA EM FESTA, da artista Flávia Junqueira

Inaugura em São Paulo a Zipper Galeria, sob o comando de Fábio Cimino, Danilo Beltran e Melina Valente. O novo espaço é assinado pelo escritório Rosenbaum, que priorizou a reestruturação dos 420 m² do local. Localizada no número 1494 da Rua Estados Unidos, nos anos 70 a Zipper foi ocupada pela tradicional Galeria Mirante das Artes de Pietro Maria Bardi.

   Para este projeto, o designer Marcelo Rosenbaum e sua equipe dividiram o espaço em dois blocos: um bloco de galeria na parte de trás do terreno e um bloco na parte da frente com recepção, café e acervo. O volume da fachada foi revestido com chapa metálica, para instigar a curiosidade das pessoas que passarem por lá.

   Logo na entrada, há uma escada monumental que leva aos escritórios, e chega a um espaço coletivo de trabalho. “O interessante é que este espaço fica em uma caixa de madeira na qual é possível visualizar toda a Zipper”, fala Rosenbaum.

   Já a sala de exposições ocupa a parte de trás do terreno, e apresenta um grande volume com iluminação natural através dos sheds da cobertura, que têm um controle da luz natural ideal para abrigar as obras de arte. Há ainda um painel pivotante que permite um uso flexível do espaço e as portas de vidro abrem a galeria para um jardim lateral.

   “Optamos pelo uso de materiais mais elementares, como paredes brancas, madeira pinus e cinza. O amarelo vivo é o único elemento agitador, tanto na fachada da sala de exposição como no interior da escada suspensa”, explica o designer. Em relação à linguagem utilizada, o escritório a define como bruta e lúdica ao mesmo tempo, sem atrapalhar a função de exposição das obras.

   Rosenbaum é um escritório de design. Trabalha alinhado a importantes marcas, de segmentos diversificados do mercado, entre elas: Rede Globo, Vivo, Suvinil, Tok & Stok, Nike, Bauducco, Cipatex, Fademac, Fiat, Grendene, Jatobá, Leroy Merlin, Nova Schin, Oxford Porcelanas, WGSN, entre outras. Mais informações, acesse www.rosenbaum.com.br

   Planejada cuidadosa e intuitivamente, a Zipper Galeria nasce para a prospecção, divulgação, promoção e colocação no mercado da obra de talentos emergentes brasileiros para que uma nova geração de artistas seja consolidada. A intenção de dividir os processos e a transparência na comunicação é a alma da Zipper. Estimulando e sendo estimulada, gera provocação e curiosidade, ampliando o raio de suas ações. O mundo mudou. Para capturar o frescor, a galeria se posiciona como agente cultural comercial sintonizado com nosso próprio tempo: captando, buscando renovação e inovação através da sensibilidade. Mais informações: www.zippergaleria.com.br

   A exposição de Flávia Junqueira, intitulada A Casa em Festa, inaugura a galeria de arte em São Paulo no dia 11 de setembro. Nesta inédita série de fotografias, a artista lançou mão de aspectos recorrentes em sua obra, como o acúmulo e o auto-retrato, para criar uma insólita festa em sua casa. Segundo o crítico Marcos Moraes, sua obra “propõe refletir sobre os sentidos da memória e alguns elementos deste imaginário. Segundo Flávia, “a imaginação como fonte geradora da realidade do absurdo, o realismo fantasioso são, entre outros, pontos relevantes para a construção de suas imagens fotográficas”.Quando: 11-9 a 16-10/ http://flajunqueira.blogspot.com
|TOPO|


Cores e funcionalidade inspiram projeto de brinquedoteca em hospital paulista

O escritório de arquitetura Falzoni Alves Lima abusou da diversidade de cores dos laminados Pertech e criou um espaço lúdico terapêutico de 220 m2 no Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da FMUSP

Direcionado a dar apoio ao tratamento realizado aos pacientes com idades entre 3 e 18 anos, o Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da FMUSP foi reformulado pelo escritório de arquitetura Falzoni Alves Lima e conta com uma nova e moderna Brinquedoteca.

   Para garantir um espaço acolhedor e de extremo bom gosto, o arquiteto Fernando Araújo e equipe utilizaram no chão, nas paredes e nos móveis os laminados da Pertech. “A empresa possui uma imensa gama de padrões. Detalhes que não poderiam faltar nesse projeto para trazer a alegria proposta ao ambiente”, conta o arquiteto e membro da equipe Raphael Balco.

   O projeto bem elaborado, repleto de formas cores e texturas, ocupa 220 m2 do hospital e é equipado com dois computadores, mesas, tabuleiro de xadrez, palco , além de contar com jogos e atividades lúdicas que facilitam aos psicólogos e psiquiatras trabalharem as dificuldades das crianças./ www.falzonialveslima.com.br  / www.pertech.com.br
|TOPO|


Vanguard Design participa da Bienal Brasileira de Design 2010

Peças únicas e inovadoras, desenvolvidas pela Vanguard Design, estarão expostas na principal mostra da Bienal Brasileira de Design

Projetadas pelos designers Sidney Rufca, Gustavo Camargo, Alexandre Scartezini, Guilherme Lehto e equipe Vanguard Design, em parceria com a marca Circuit, quatro produtos, voltados ao mercado de acessórios e equipamentos esportivos, estarão expostos na principal mostra da Bienal Brasileira de Design 2010, de 14 de setembro a 31 de outubro, em Curitiba.

   O evento, que ocorre a cada dois anos, destaca as atividades e iniciativas da indústria brasileira Peças selecionadas Vanguard Designcomo forma de diferenciação e busca pela competitividade através do design. Consagrada como a principal exposição do setor, a seleção das peças é um reconhecimento do trabalho e uma vitrine internacional para o que existe de melhor e mais inovador na área.

   Como destaques para o mercado de equipamentos e acessórios esportivos, as peças selecionadas da Vanguard Design (Colete de Proteção T-Rex, Protetor de Disco Elite, Protetor de Mão P4 e Paralama Stealth) priorizam a proteção e a segurança dos pilotos, agregando ousadia nas formas e inovação nas cores e materiais.

   Considerando a necessidade do mercado em adquirir produtos mais modernos, o design dos equipamentos e acessórios, foi projetado de forma a transmitir a essência e o life style do motociclista. Idealizados em cores vivas, como verde, laranja e vermelho, são fabricados com materiais leves e resistentes, como alumínio e nylon. Além disso, o projeto garante maior segurança e conforto, melhorando o desempenho dos pilotos nas competições. “O desafio era oferecer ao mercado peças com design único que atendessem às necessidades dos pilotos, principalmente em relação ao conforto e segurança”, afirma Sidney Rufca, diretor executivo da Vanguard Design.

   Os produtos selecionados, utilizados por diversos pilotos nas principais competições nacionais e internacionais, como o Rally Dakar e o Pharaons poderão ser conferidos na mostra “Design, Inovação e Sustentabilidade”.

   Com público estimado em cerca de 250 mil visitantes, entre profissionais da área e público em geral, o objetivo das nove mostras que compõe a Bienal é democratizar o design, priorizando produtos que fazem parte do cotidiano e destacando o design como grande impulsionador da indústria brasileira.

   Serviço: Bienal Brasileira de Design 2010 - Mostra “Design, Inovação e Sustentabilidade” / Peças selecionadas Vanguard Design: Colete de Proteção T-Rex, Protetor de Disco Elite, Protetor de Mão P4 e Paralama Stealth / Criação/ Designers: Sidney Rufca, Gustavo Camargo, Alexandre Scartezini, Guilherme Lehto e equipe Vanguard Design / de 14 de setembro a 31 de outubro de 2010 / Local: Cietep (Av. Comendador Franco 1341, Jardim Botânico), Curitiba, PR /  terça a domingo das 13h às 20h30/ quarta-feira das 09h às 20h30

|TOPO|


Riva e Sergio Fahrer participam da edição 2010 da Bienal de Design

De 14 de setembro a 31 de outubro, em Curitiba (PR), a empresa Riva e o designer Sergio Fahrer participam da edição 2010 da Bienal Brasileira de Design, que tem como tema “Design, Inovação e Sustentabilidade”, sob a curadoria de Adélia Borges.

   O conjunto de chá e café Gioia, da Riva assinado por Rubens Simões, premiado no Good Design Award 2010 e indicado ao DesignPress Nominee 2011, foi a peça selecionada pela curadora para a exposição.

   Já o banco DC-3 inspirado na asa do Douglas DC-3, famoso avião que fazia ponte aérea Rio-São Paulo na década de 60 e a cadeira Bebop são as peças de Sergio Fahrer selecionadas para o evento.

   O evento, de repercussão internacional, pretende refletir sobre como projetar, produzir e consumir bens, satisfazendo as demandas do mundo atual, sem comprometer o futuro do planeta. Desafio que, se transformou em meta na agenda da Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento da Organização das Nações Unidas (ONU)./ Riva 0800.606.1600 / www.riva.com.br / Sergio Fahrer - Rua Conselheiro Brotero, 297, São Paulo, SP (11) 3822.0584 / www.sergiofahrer.com.br
|TOPO|


Casas Inteligentes – Qualquer Superfície poderá se transformar em um computador

A mesa da sala, a pia da cozinha, a parede do quarto – no futuro, qualquer superfície será capaz de reconhecer objetos e situações, respondendo de maneira adequada

Em muitos lares, o computador já virou o coração da casa. O próximo passo, de acordo com a Intel, será transformar a casa toda em um computador. Através da tecnologia “Smart Computing Islands” O balcão inteligente reconhece objetos e traz menus interativos com opções relevantes para cada contexto – é a cozinha do futuro.(Ilhas Computadorizadas Inteligentes), todas as superfícies do futuro lar digital serão capazes de reconhecer objetos e contextos, trazendo informações pertinentes para cada situação.

   Na demonstração realizada durante o Research@Intel Day 2010 em Sunnyvalle, California, a Intel demonstrou como será a cozinha do futuro. Um balcão inteligente, equipado com tecnologias de projeção, conexão com a Internet e capacidade de reconhecimento de objetos colocados sobre a superfície, auxiliará as atividades da cozinha, gerenciando a lista de compras do mercado, sugerindo receitas e organizando informações sobre itens ou grupos de itens.

   Ao colocar um objeto sobre a superfície inteligente, o computador será capaz de reconhecer o objeto e mostrar um menu de atividades relativas aquele objeto específico – você pode consultar todas as receitas que utilizam aquele ingrediente, ou adicionar aquele item a sua lista de compras, e enviar a sua lista de comprar automaticamente para seu celular, onde ela estará disponível para consulta na sua próxima visita ao mercado.

   O balcão é capaz de reconhecer grupos de itens, guardar informações sobre a quantidade de itens em estoque e quais as receitas que utilizam aqueles itens específicos. Ao selecionar uma receita, o balcão pode mostrar todo o tipo de informação relevante – como tempo de preparo, fotos do prato pronto ou até mesmo passo-a-passo em vídeo para a preparação da receita. O balcão também conta com uma “gaveta digital”, onde você pode guardar informações ou compartilhá-la com outros dispositivos, como um PC ou celular./ www.intel.com

   Vídeo demo da Cozinha Inteligente (em inglês): http://www.youtube.com/watch?v=1V3M0bMvtjs

|TOPO|


MMartan abre loja conceito na Oscar Freire

Modernidade, sofisticação, elegância e qualidade, reunidas em um só endereço. A rua Oscar Freire, 913, em São Paulo, sem sombra de dúvida está, ainda mais descolada com a chegada da mmartan concept. A loja conceito da mmartan reúne todos os atributos importantes para quem tem paixão pela moda cama, mesa e banho e não abre mão da qualidade e do estilo. A mmartan concept já está com a coleção Primavera-Verão 2011. Vale a pena conferir.

   Serviço: mmartan concept / Rua Oscar Freire, 913, São Paulo, SP / segunda a sábado, das 10h às 20h / (011) 3083.0100 / www.mmartan.com.br
|TOPO|


Mobiliário com pernas esculpidas
Desenvolvida por George Nelson, a cadeira Nelson Swag Leg Chair, da Herman Miller, foi concebida há 50 anos, mas continua contemporânea. Pode ser usada tanto em espaços corporativos, como em residências com outros móveis, tradicionais ou modernos.

   Ao utilizar uma curva de tubo de metal chamado processo de estampagem, Nelson provou que a cadeira é um sucesso. Com base forte, e um reservatório de polipropileno reciclável e durável, a Nelson Swag Leg Chair traz uma fenda entre o assento e o encosto que ajuda a prevenir o acúmulo de calor. Além disso, traz um lugar confortável para descansar os antebraços.

   Nelson começou a desenvolvê-la pelas pernas, e insistiu que estas fossem feitas de metal. Com esta ideia, concebeu uma família de produtos: escrivaninha, mesa de trabalho e mesas de jantar. Seus assentos estão disponíveis nas cores branco, cinza ou preto, e suas pernas podem ser em cromo, brancas ou pretas.

   Herman Miller (11) 3729-9555 / www.hermanmiller.com.br
|TOPO|


Karina Arruda lança coleção primavera no Estúdio Glória

Karina, que é a idealizadora do espaço e responsável pela customização dos moveis, investiu nas cores alegres e estampas florais. Entre as peças, serão lançados sofás, poltronas e cadeiras.

   O lançamento acontecerá no próprio Estúdio Glória, que é uma casa/loja que vende móveis e objetos de decoração das décadas de 1920 e 1980, descobertos em viagens e passados pelo processo de restauração e customização e isso faz com que cada móvel de lá seja único.

   Funcionando ao ar livre, o Estúdio Glória também tem um espaço gastronômico. As opções do cardápio que se dividem em macarronada com frango assado, risoto de frutos do mar, feijoada, virado à paulista, entre outros, ficam disponíveis no site da loja. No lançamento da nova coleção, será servida a famosa feijoada, disponível nas versões tradicional, light e vegetariana.

   Estúdio Gloria: Rua dos Engenheiros, 410, Cotia, SP / (11) 4703.6751 / Restaurante/ Preço: R$ 45,00 por pessoa / Crianças de 04 a 10 anos pagam meia: R$ 22,50 / Bebidas e sobremesas são cobradas a parte / www.estudiogloria.com.br
|TOPO|


Coifas Mirabilia: um pouco de cor e luz na cozinha

Um mesmo modelo e quatro novas versões de cores, estampa e iluminação

Inovar parece ser mesmo a palavra de ordem da Falmec, que a cada lançamento surpreende consumidores oferecendo produtos com design sofisticado, que aliam tecnologia e funcionalidade ao ambiente da cozinha.

   As coifas da coleção Mirabilia fazem parte da linha Da Vinci da Falmec e são fruto do intenso trabalho dos profissionais da empresa, que estão sempre buscando surpreender o consumidor que, por sua vez, está ávido por produtos diferenciados.

  Desta vez o diferencial das novas coifas está no manto em vidro decorativo, onde diferentes estampas foram aplicadas por meio de um processo industrial que envolve alta tecnologia. Outro diferencial é que o manto decorativo pode ser substituído e a coifa tem a intensidade da iluminação regulável. O resultado é uma coifa que mais se parece a uma luminária, conferindo charme e delicadeza ao ambiente da cozinha.

   Os modelos Cometa, Natura, Moon Light e Elektra se destacam por suas linhas inovadoras e por atender a demanda de consumidores, arquitetos e decoradores que buscam equipamentos diferenciados e capazes de conferir personalidade à cozinha.

   Disponíveis nas versões ilha e parede e com 67 cm de largura, as coifas da coleção Mirabilia têm iluminação com lâmpadas halógenas e motos com 1000m³ de capacidade de sucção.

   As novas coifas também têm comando digital e motor tangencial com quatro velocidades de sucção. Possuem filtros de alumínio laváveis e de carvão ativado, indicador de saturação de filtros metálicos e timer para desligamento./ www.falmec.com.br
|TOPO|


Tempestades elétricas causam perdas milionárias

Panduit conta com sistemas de aterramento para telecomunicações que protegem equipamentos contra danos causados por descargas elétricas

Prejuízos milionários são devidos a danos a equipamentos causados por descargas elétricas. Representam um grande risco para as empresas por afetar os equipamentos e muitas vezes apagar dados críticos para a gestão dos negócios. Nesse cenário, os sistemas de aterramento desenvolvidos pela Panduit, líder em sistemas de infraestrutura física unificada, podem ser a solução.

   Kaleb Ávila Garavito, gerente do setor elétrico para a região América Central, Andina e Cone Sul da Panduit, diz que sistemas de aterramento podem evitar danos causados por descargas elétricas. “Nossos sistemas de aterramento protegem as pessoas e os equipamentos pois detectam os aspectos críticos para a confiabilidade e desempenho eficiente da rede e contam com componentes que atendem o nível 3 das normas de segurança NEBS”, comenta.

   Graves consequências - Uma tempestade elétrica é capaz de produzir até 100 descargas por minuto e uma pequena nuvem dessa tempestade pode gerar a mesma energia que uma pequena estação de energia nuclear (algumas centenas de MW). Nem todos os raios caem na terra, mas quando isso acontece a energia liberada pode ser devastadora. Com equipamentos danificados, uma empresa de telecomunicações pode passar horas ou dias fora do ar, ou uma fábrica petroquímica pode sofrer incêndios causados pelos raios, enfrentando grandes riscos e custos elevados.

   É claro que o perigo dos raios e seus efeitos colaterais já é uma preocupação da sociedade porque seus efeitos podem ser devastadores em linhas de energia elétrica ou instalações com equipamentos elétricos muito sensíveis.

   Um exemplo claro das consequências desse fenômeno é a indústria petrolífera. Ano após ano esse setor registra milhões de dólares em perdas com a destruição de instalações pelas descargas elétricas atmosféricas, além do sofrimento com a perda de vidas humanas.

   “Visando proteger as empresas de vários setores de prejuízos milionários e evitar a perda de vidas humanas, a Panduit sempre inova em tecnologia e melhores práticas de negócio para oferecer os maiores níveis de crescimento e valor, resolvendo assim os desafios mais críticos”, conclui o executivo. / www.panduit.com.br
|TOPO|


Sistema inédito de escoramento para construção chega ao Brasil

Solução inovadora criada pela norte-americana Titan e trazida ao país com exclusividade pela Oeste Formas promete economia e agilidade

Chega ao Brasil uma solução inovadora de escoramento para construção, desenvolvida nos Estados Unidos: o sistema Titan HV. Pela primeira vez utilizada no país, esta tecnologia foi trazida com exclusividade pela Oeste Formas. Segundo Rodrigo Felício, administrador da Oeste Formas, a solução pode gerar uma economia de até 30%, está disponível para locação e é destinada às grandes obras.

   O sistema Titan HV é conhecido por trazer rapidez e segurança para os empreendimentos através de uma montagem modular com vigas primárias e secundárias de alumínio, totalmente de encaixe e que desmonta com facilidade. O recurso Drophead é outro diferencial desta tecnologia, por ser o único que permite a remoção precoce das vigas, já deixando as reescoras.

   A solução proposta pelo Titan HV possui escoras com alturas de 2,10m até 5,80m, oferecendo uma versatilidade excepcional , e está sendo utilizado com sucesso na América do Norte para a construção de milhões de metros quadrados de hotéis, condomínios, estruturas de estacionamento, edifícios de escritórios, entre outros.

   Os benefícios desta tecnologia são vários, a começar pela economia de tempo e de mão de obra. São necessários somente três funcionários e um dia para se montar uma área de 600 m2, enquanto que em um sistema comum são necessários até sete operários e o tempo gasto pode chegar a uma semana. Por isso, a performance do produto é considerada até 45% superior aos outros equipamentos para escoramento existentes no mercado.

   O fato de ter poucos componentes faz do Titan HV um sistema de fácil e rápido manuseio eliminando o uso de gruas para içar, instalar e se fazer a montagem. O lay out de 1,80m x 1,80 m para o escoramento reduz a quantidade de escoras necessárias, e os carrinhos metálicos (Barella Carts) para fazer o transporte dos equipamentos na obra facilitam os trabalhos de locomoção.

   Dentre outras vantagens do sistema HV, a desmontagem do escoramento em 1 ou 2 dias após a concretagem da laje proporcionada pelo cabeçal de caida (Drophead) e a capacidade de carga da escora em atingir uma altura de 3,56 m e de 2500 kgs faz com que esta tecnologia seja admirada por sua eficiência e capacidade.

   “A empresa enxergava que o mercado pedia um produto como este pela necessidade de construções mais rápidas, devido ao aumento da demanda na construção civil”, afirma o presidente da Oeste Formas, Roberto Felício que importará esta tecnologia por acreditar no sucesso que esta inovadora solução pode fazer também no Brasil. / www.oesteformas.com.br

|TOPO|


Nova C&C em Macaé

A nova loja da Casa & Construção (C&C) em Macaé, no interior do Rio, terá o que há de mais moderno em cobertura. Líder no varejo de materiais para construção, reforma e decoração, com mais de 40 lojas no Rio e em São Paulo, a empresa utilizará na unidade mais de 5 mil m² do sistema integrado de cobertura metálica Roll-On, produto fabricado exclusivamente pela Marko Sistemas Metálicos e patenteado em mais de 17 países. O Roll-On é o único que integra a estrutura e a cobertura no mesmo produto, além de possuir características sustentáveis e pronta entrega, o que garante o rápido início das atividades no canteiro de obra e a preservação do meio-ambiente. A responsável pela montagem do sistema na Loja em Macaé será a França & Schwebel - Projetos, que já realizou mais de 140 obras utilizando o produto./ www.francaschwebel.com.br
|TOPO|


Universo Tintas lança linha de tintas higiênicas

Produto dificulta o crescimento de microrganismos nos ambientes

Acaba de ser lançada a linha de Tintas Higiênicas Universo. Trata-se de um produto diferenciado no mercado, destinado a ambientes que necessitam de uma maior higienização e cuidado com a proliferação de microrganismos.

   Hospitais, clínicas, quartos de crianças, cozinhas de bares, restaurantes, indústrias de alimentos, além de salas de aula e escritórios – todos com grande circulação de pessoas - são mais suscetíveis a presença de microrganismos. Para dificultar esta proliferação existe um componente na tinta, desenvolvido pela indústria química Clariant, que tem como atuação a formação de um campo eletromagnético, o qual repele os microrganismos da superfície, devido à diferença eletrostática entre a molécula (prata) e a parede celular. A partir disso, os íons de prata, impedem a divisão celular destes microrganismos. Na prática, isto quer dizer que a TINTA HIGIÊNICA UNIVERSO reduz o crescimento de microrganismos no ambiente.

   Todo este processo pode, e é comprovado, através de uma norma japonesa (JIS Z 2801:2006 Antimicrobial Products), que quantifica alguns tipos de microrganismos antes e depois da tinta aplicada. Não satisfeita com isso, a Universo Tintas ainda acrescentou uma proteção contra uma bactéria bastante freqüente aqui no Brasil (chamada Pseudomonas aeruginosa), que é um dos microrganismos causadores da infecção hospitalar.

   Disponível em três versões - A TINTA HIGIÊNICA UNIVERSO, por sua versatilidade de uso, está disponível em três versões: látex acrílico, esmalte à base de água e epóxi à base de água. O látex acrílico apresenta-se nos acabamentos acetinado e semibrilho. Possui ótima resistência, o que permite uma fácil limpeza e após três horas da aplicação, não possui cheiro. O esmalte é ideal para superfícies de madeira, metais ferrosos e alvenaria. Como é diluível em água, proporciona baixo odor durante a aplicação e a secagem; está disponível em acabamento brilhante. Já o epóxi é um produto de altíssima resistência e indicado para pinturas deterioradas por repetidas operações de limpeza, tais como os centros hospitalares e cozinhas industriais.

   São cinco cores: branco neve, azul diamante, amarula, menta e amarelo. As embalagens disponíveis são baldes plásticos de 18 litros e 3,6 litros - este ideal para aplicações menores, como quartos de crianças ou a própria cozinha de casa.

|TOPO|


Dicico Inaugura Loja na Zona Sul de São Paulo

 A Dicico – uma das maiores redes varejistas de material de Construção – inaugura no próximo dia 23 (quinta-feira), mais um home center em São Paulo. Com 2500 m2, a nova loja está localizada na Avenida Guarapiranga, 881, Vila Socorro, na zona Sul de São Paulo. Agora a rede passa a contar com 45 unidades: 33 home centers e 12 lojas na cidade. Para a inauguração foram investidos cerca de R$4 milhões, com geração de cerca de 70 empregos diretos e dezenas de indiretos.

   A loja da Dicico no bairro do Guarapiranga chega para oferecer aos consumidores mais de 40 mil itens entre pisos, azulejos, louças, metais, toucadores, banheiras, tintas, esquadrias, fechaduras, iluminação, elétrica, hidráulica, material básico, utilidades domésticas e decoração. Para a inauguração haverá uma promoção especial, com mais de 2.000 produtos em oferta e condições comerciais muito agressivas.

   “A região é estratégica para o crescimento da Dicico, pois tem tido um crescimento importante de população e de renda, e concentra um público totalmente compatível com o nosso posicionamento. Temos grande expectativa em relação a esta inauguração”, revela Claudio Fortuna, diretor de marketing da rede. A Dicico também conta com lojas no Itaim Paulista, Santo Amaro, Taboão da Serra, Mauá, Carapicuíba, Aricanduva, Radial Leste, Limão, entre outras./ www.dicico.com.br

|TOPO|


Público feminino é presença constante nas salas de aulas da “Doutores da Construção”

Programa já capacitou mais de 7 mil mulheres num universo de 52 mil profissionais da construção civil, ou seja, cerca de 15% do total de treinados; módulos de pintura e hidráulica são os mais procurados

Um levantamento feito pela Doutores da Construção, plataforma de negócios que tem como filiadas as empresas Amanco, Astra, Docol, Phelps Dodge, Schneider Electric, Sika e Weber Quartzolit, apontou um bom índice de presença do público feminino nas salas de treinamentos. Dos 52 mil profissionais capacitados em todo o território nacional em apenas quatro anos, mais de 7 mil são mulheres.

   “Os cursos mais procurados são os das áreas de pintura e hidráulica, o que representa a independência da mulher na realização de pequenos reparos que antes eram feitos apenas pelos homens. Além de poderem realizar seus trabalhos sem nenhum auxílio masculino, a qualificação pode contribuir para novas oportunidades de colocação profissional”, comenta Kátia Matias, gerente-geral da Doutores da Construção.

   O Programa Doutores da Construção atua promovendo a cadeia produtiva do setor como um todo, desenvolvendo profissionais e fomentando o varejo. O objetivo é manter os números em constante crescimento e acelerar a expansão das lojas credenciadas, promovendo inovação e diferenciação desses estabelecimentos, além de contribuir para o programa de qualificação de profissionais da construção civil, diminuindo assim um dos principais déficits do setor, que é a falta de mão de obra qualificada.

   Atualmente a comunidade Doutores da Construção conta com 241 lojas de material de construção sendo 104 centros de treinamento. “Em breve chegaremos ao patamar de 300 lojas credenciadas em todo o Brasil, com cerca de 120 centros de treinamento. Com isso, a presença do público feminino terá um crescimento considerável nas salas de aula”, acrescenta Kátia./ www.doutoresdaconstrucao.com.br

|TOPO|


Fábio Galeazzo lança livro com dicas de decoração

Obra apresenta dicas simples e de baixo custo para quem quer revitalizar o próprio ambiente; autor foi selecionado pelo mais importante prêmio do design internacional

O designer de interiores Fábio Galeazzo lançou o livro “Pequenas Mudanças, Grandes Transformações - Soluções Criativas para Decorar seu Lar e Gastar Pouco”, pela Editora Alaúde. A obra traz dicas sobre como decorar ou até modificar a decoração de sua casa sem gastar muito para conseguir um efeito estético moderno, acolhedor e surpreendente.

   Bons exemplos de medidas simples sugeridas no livro são a pintura de uma parede com cores vibrantes, a colocação um espelho para aumentar a sensação de amplitude de um ambiente pequeno, ou um abajur com luz indireta, que pode trazer mais aconchego e conforto, entre outras dicas.

   “Meu principal objetivo é estimular um primeiro contato das pessoas com o universo da decoração, para desmistificá-la. Um caminho que sempre indico é a pessoa reinventar o próprio ambiente, selecionando as peças a que mais se afeiçoa e as destacando. Organização e limpeza também ajudam muito, e não tem alto custo”, afirma Galeazzo.

   Ao mesmo tempo em que lança um livro ligado ao design acessível, Galeazzo foi um dos profissionais selecionados pelo Andrew Martin, o principal prêmio do design de interiores internacional. Organizado pela loja homônima, e luxuosa, de Londres, o prêmio vai reunir imagens de projetos dos designers selecionados em um livro distribuído para mais de 50 países a partir de setembro.

   A publicação está disponível para venda no portal da editora Alaúde, no www.editoraalaude.com.br e também nos catálogos da Avon.

   Serviço: “Pequenas Mudanças, Grandes Transformações - Soluções Criativas para Decorar seu Lar e Gastar Pouco”, por Fábio Galeazzo / Editora Alaúde / Preço sugerido: R$ 9,90  / Onde encontrar: www.editoraalaude.com.br / Formato: 12 x 18 cm / Nº de páginas: 64

|TOPO|


 

 C I R C U L A Ç Ã O

 

 

Qual a relação entre luxo, simplicidade e sustentabilidade?

Este foi o tema do bate-papo que promovido pela jornalista multimídia Joyce Pascowitch na Lapinha Spa agora em agosto com a participação de convidados

Joyce Pascowitch

Entre os presentes Eduardo Machado, Diretor da Artefacto e Beach & Country; Wair de Paula Diretor da Beach & Country; Rosangela Lyra, Diretora da Dior Brasil; a bióloga e socióloga Rita Mendonça professora de ecologia e meio ambiente responsável por vários projetos realizados para empresas como Natura, Instituto Ecofuturo, Associação Palas Athena entre outros, e o renomado fotógrafo Claudio Edinger. Nesse período a jornalista levou hóspedes e convidados a refletirem sobre a nova forma de definir luxo e simplicidade no futuro a partir da sustentabilidade.

|TOPO|


 

 

 

C O N J U N T U R A  &  M E R C A D O

   

Anunciados vencedores do Prêmio Master Imobiliário 2010

Os premiados no Master Imobiliário deste ano foram anunciados nesta quarta-feira, 15/9, na sede do Secovi-SP (Sindicato da Habitação). Os 16 cases contemplados passaram por criteriosa análise entre 70 trabalhos vindos de todas as regiões do País. Na Categoria Empreendimentos cinco cases saíram vencedores: Iguatemi Brasília – Brasília/DF, Iguatemi Empresa de Shoppings Centers e Paulo Otavio Investimentos Imobiliários; Torre São Paulo – SP/SP, WTorre; Retrofit Bela Paulista – SP/SP, VBI Real Estate; Parque Logístico Imigrantes – São Bernardo do Campo/SP, Bracor Investimentos Imobiliários; AlphaVille João Pessoa – João Pessoa/PB, AlphaVille Urbanismo.

   Na Categoria Profissionais são 10 os vencedores: Show de Morar Gama – Gama/DF, Brookfield Incorporações e MGarzon Eugenio; Sucesso de vendas – Manaus/AM, Capital Rossi Empreendimentos; Quinta do Golfe Residencial – São José Rio Preto/SP, Cipasa Desenvolvimento Urbano; Menara By Cyrela – SP/SP, Cyrela Brazil Realty e Eugenio Marketing Imobiliário; Residencial Jardim Paulista – SP/SP, Requadra Desenvolvimento Imobiliário, Toledo Ferrari e Suzuki Propaganda; Living Superquadra Park Sul – Brasília/DF, JCGontijo Enga.; Estratégia em Rede Sociais – SP/SP, Tecnisa; Office Garden – SP/SP, Alfa Realty, IAC Consultoria, MDL Realty, Eugenio Marketing e Elite Brasil; In Berrini, SP/SP, Camargo Correa; Vitória Jundiaí – Jundiaí/SP, Living, Eugenio Marketing e Conx Construtora.

   Além dos premiados, a Brazilian Finance & Real Estate receberá homenagem como hors-concours, pelo trabalho realizado em favor da cultura e do desenvolvimento do crédito imobiliário no Brasil, nos últimos anos./ www.secovi.com.br

|TOPO|


Living Construtora tem seu Vitória Jundiaí premiado na 15ª edição do Prêmio Master 2010

Minha Casa Minha Vida impulsionou a estratégia vencedora na categoria “Sistema de Comercialização”

A Living Construtora e a Conx Empreendimentos comemoram o sucesso do Vitória Jundiaí, o primeiro empreendimento das duas empresas lançado dentro do programa Minha Casa Minha Vida. O projeto, localizado no bairro Morada das Vinhas, é o grande vencedor do Prêmio Master 2010 na categoria “Sistema de Comercialização”.

   O condomínio possui 512 unidades distribuídas em 32 torres de três andares cada. Com preço médio de R$ 95 mil, os apartamentos possuem dois dormitórios e metragem de 51,5 metros quadrados. Para a venda do empreendimento foi desenvolvido um projeto piloto de Venda Direta que reuniu ações mescladas de sistematização de métodos tradicionais de vendas, melhoria da estrutura instalada e adoção de novos sistemas ainda não utilizados pelas empresas que participam do Minha Casa, Minha Vida. A comercialização porta-a-porta foi a grande inovação do projeto que teve como objetivo cadastrar clientes para o programa do Governo Federal. A ação contou com a participação de 60 corretores das empresas Habit Casa, Home Invest e Selling.

   “Este prêmio marca a evolução e o crescimento da Living Construtora. Para nós é muito gratificante sermos reconhecidos no mercado com um prêmio da magnitude do Prêmio Master pela segunda vez consecutiva. O Vitória Jundiaí é um empreendimento que marca a integração entre as equipes de vendas, construção e comunicação, responsáveis por este sucesso”, afirma Antonio Guedes, diretor geral da Living Construtora.

   A Living sempre leva uma oferta que significa a realização de um sonho por meio do trabalho dos consultores. Com a adoção do sistema porta-a-porta, a Living fornece a este mercado um grande exemplo de criatividade e de eficiência empresarial. Apenas um corretor chegou a fazer 400 reservas pelo novo sistema.

   Para dar suporte a ação - que atingiu uma grande parte do município de Jundiaí - foi montado um posto de atendimento no Max Shopping, com promotoras treinadas que deram toda assistência aos visitantes. Ao todo, foram mais de seis mil inscrições em apenas um mês, sendo que mais de três mil com documentação completa para análise de crédito no período. Em apenas 5 dias foram comercializados 85% das 512 unidades do Condomínio Vitória Jundiaí. Somente no dia do lançamento, o estande recebeu aproximadamente 800 visitantes. No domingo seguinte, 100% das unidades colocadas em venda haviam sido comercializadas.

   Ficha técnica do Vitória Jundiaí: Arquitetura Pass Arquitetura / Paisagismo Benedito Abbud / www.cyrela.com.br.

|TOPO|


A Brookfield Incorporações conquista o Prêmio Master com o case “Show de Morar - Gama”

A Brookfield Incorporações acaba de vencer o Prêmio Master na categoria “Profissionais - Comercialização”. A vitória foi conquistada com a campanha Show de Morar, uma ação de divulgação de dois empreendimentos na cidade do Gama, no Distrito Federal, que resultou na venda de 457 unidades em apenas dois dias.

   Desenvolvida para a comercialização do Idealle e do Encanto – dois empreendimentos localizados na cidade satélite -, a estratégia de marketing buscou envolver a comunidade local com campanhas publicitárias, ações na internet, promoção e evento.

   “Essa conquista é uma grande honra. A vitória demonstra que um trabalho em equipe sempre traz ótimos resultados”, afirma Rubens Oseki, superintendente comercial da Brookfield no Centro-Oeste. Na fase de pré-lançamento, a incorporadora realizou diversas ações de rua, chamando a atenção do público para o empreendimento. Além disso, criou o blog “O Gama é Show”, que trazia notícias, vídeos, fotos e serviços aos moradores da região.

   Para o dia de lançamento, a empresa promoveu um evento, montando na cidade uma grande estrutura para realização da venda, que contou com profissionais para análise de crédito, consultoria jurídica e geração de contrato. Além disso, desenvolveu uma série de promoções, que ofereciam desde um sorteio de um apartamento até itens como TV LCD, geladeira, churrasqueira elétrica, máquina de lavar, entre outros.

   Ao todo, foram dois meses e meio de planejamento de marketing e mais de 200 colaboradores trabalharam na organização. A empresa também conseguiu envolver cerca de 900 corretores nesta ação.

   Como resultado, a Brookfield Incorporações comercializou 100% do empreendimento “Idealle” em 12 horas. Já 65% do “Encanto” foram vendidos em dois dias de evento. Além disso, a empresa ainda adquiriu um cadastro com mais de 40 mil possíveis compradores e, ao todo, foram 4 mil visitas ao estande nos dois dias.
Toda a ação foi coordenada pela equipe da área Comercial e de Marketing do Centro-Oeste. O conceito “Show de Morar” foi criado pela Eugênio Marketing Imobiliário, a área de promoção foi assinada pela Promoart e as ações de internet foram realizadas pela Webroom.

   Para Rubens Oseki, o objetivo da ação na cidade era fazer uma campanha de aproximação com a comunidade para ganhar a confiança dos moradores. “Nossa principal meta era criar uma identidade entre a empresa e os residentes da região. Foi algo pioneiro que resultou em um ótimo resultado de vendas”, completa o executivo, ressaltando que a expectativa é manter o mesmo conceito para o lançamento de outros empreendimentos no Distrito Federal. / www.br.brookfield.com
|TOPO|


Menara by Cyrela ganha Prêmio Master Imobiliário 2010

Empreendimento inspirado no Jardim de Menara em Marrocos vence prêmio na categoria “Comercialização"

Menara by Cyrela é o grande vencedor da categoria “Comercialização” da 15ª edição do Prêmio Master Imobiliário apresentando um conceito ousado de empreendimento com uma linguagem contemporânea e arquitetura inspirada no Jardim de Menara, em Marrocos.

   Localizado em uma das áreas mais nobres da cidade de São Paulo, o bairro do Morumbi, o projeto tem a água como elemento principal do paisagismo e conta com charmosos apartamentos no pavimento térreo, conhecidos como maisons, e quatro apartamentos além das coberturas. Suas torres são dispostas em torno de uma imensa praça central de inspiração marroquina, que traduzem a imponência, a sutileza e a elegância de uma fachada que é integrada ao seu entorno rodeada por águas.

   “A Cyrela marca presença no Prêmio Master há muitos anos, esta premiação para nós é uma honra. O Menara é um empreendimento que teve um lançamento totalmente diferenciado, um sucesso de vendas e dono de um conceito arrojado e inovador. Toda equipe Cyrela contribuiu para que este lançamento entrasse para a nossa história”, destaca Rosane Ferreira, diretora de incorporação da Cyrela Brazil Realty.

   O empreendimento ainda se destaca por detectar um novo nicho de mercado e oferecer apartamentos de 1 ou 2 dormitórios de alto padrão, em uma das regiões mais nobres de São Paulo. Menara by Cyrela também oferece uma gama de serviços exclusivos oferecidos pela Facilities Home, empresa do grupo Cyrela, que oferece itens como: concierge, segurança patrimonial 24h, central de manutenção, paisagismo, arrumação e manutenção básica dos apartamentos, além dos serviços Pay Per Use, que envolvem uma série de fornecedores dos mais diferentes seguimentos, como encomenda de flores, walk dog, mecânica, lava rápido, congelados, entre muitos outros.

   Campanha - Diante de tantos benefícios, o grande desafio da Cyrela era comunicar de forma assertiva e atrair os futuros compradores e investidores. Para isso, criou uma campanha conceitual diferenciada e pioneira que transmitisse o sentimento da exclusividade de morar em um empreendimento completamente diferenciado. A campanha foi baseada em pesquisa de campo que identificou a força do bairro Morumbi, à sofisticação do produto, elementos de sociabilidade e a água como um fator totalmente positivo.

   A equipe de corretores contou com um estande com características e equipamentos de alta tecnologia como maquete com movimento das torres, e água dando vida ao paisagismo, vídeo wall com filme institucional, piso interativo com movimento e som de água, tela touch screen com implantação e uma comunicação visual diferenciada. O lançamento do Menara By Cyrela foi precedido de diversas ações motivacionais junto aos corretores, entre elas: evento teaser e convenção de vendas.

   Ficha Técnica do Menara by Cyrela: Arquitetura Itamar Berezin / Paisagismo Benedito Abbud / Decoração Carlos Rossi / www.cyrela.com.br

|TOPO|


Resultados da Scopel já superam todo o ano de 2009

No primeiro semestre, a empresa comercializou mais de 2 mil terrenos residenciais e prevê triplicar seus lançamentos até o final do ano

Líder em desenvolvimento urbano no Estado de São Paulo, a Scopel fechou o primeiro semestre deste ano com resultados superiores aos alcançados durante todo o ano de 2009. De janeiro a junho de 2010, a empresa comercializou 2.250 terrenos residenciais que totalizam uma área de 400 mil m² urbanizados. Isso corresponde a um VGV (valor geral de vendas) de R$ 100 milhões, número equivalente ao registrado nos 12 meses de todo o ano anterior.

   E o bom desempenho se manteve no quarto bimestre, repetindo a média do ano. No acumulado desse período, a Scopel registrou 2.800 unidades comercializadas, representando uma média de 350 unidades por mês ou 10 unidades por dia.

   “A velocidade das vendas tem superado as expectativas, reflexo do aquecimento do mercado em função da estabilidade econômica. Acreditamos que esse crescimento será sustentável, uma vez que a demanda sempre existiu em virtude do déficit habitacional”, explica Ciro Schmeil, COO da Scopel.

   A empresa credita esse sucesso ao seu land bank, que permitiu lançamentos em diferentes cidades do Estado com grande potencial de demanda. “Nesse semestre tivemos lançamentos em cidades com grande potencial de desenvolvimento como Ribeirão Preto, Itatiba, Jacareí, Taubaté e Vargem Grande Paulista. Esse portfólio, aliado a nossa expertise de oferecer projetos específicos para cada perfil de público, permitiu uma excelente performance de vendas”.

   Dessa forma, a empresa comemora o sucesso e já refez seu planejamento para o segundo semestre. Até o final do ano a Scopel prevê lançar outros 15 empreendimentos residenciais, o que irá representar mais de 10 milhões de m² urbanizados, com previsão de R$ 300 milhões em investimentos de marketing e obras. “Os novos empreendimentos não vão se restringir a São Paulo. Ainda este ano, planejamos ingressar em Minas Gerais, Goiás e Paraná. E para 2011 já estamos adiantando 35 novos projetos para lançamento”, adianta Schmeil.

   Entretanto, o executivo da Scopel faz um alerta sobre o atual cenário do mercado imobiliário que, segundo ele, pode ser arriscado tanto para as empresas quanto para os clientes. “Nada de euforia. Estamos focando o desenvolvimento sustentável e procurando educar nosso comprador ao apresentar de forma clara e transparente os nossos projetos, visando à compra consciente e aprovação de crédito responsável”.

   Ele reforça que as empresas que se destacarem pelo planejamento não enfrentarão gargalos. “Há sim obstáculos no que diz respeito à mão de obra qualificada, aprovação de projetos e capitalização. É por isso que o planejamento será fator determinante para o sucesso”, finaliza. / www.scopel.com.br

|TOPO|


Entra no ar o portal de inovação aberta da Tecnisa

Já reconhecida por seu pioneirismo em ações de vendas e comunicação online, a Tecnisa inova mais uma vez e coloca no ar o Portal Tecnisa Ideias (www.tecnisadeias.com.br)

Com esta novidade, a construtora busca criar um novo canal aberto para centralizar sugestões e colaborações de consumidores, captando assim boas ideias dos internautas. A intenção da Tecnisa é que as contribuições dos consumidores online ajudem a empresa a responder com maior assertividade e velocidade às necessidades de seus consumidores, se antecipando às tendências do mercado imobiliário.

   “Como o consumidor atual gosta de colaborar, criamos um espaço aberto e organizado na web para receber as suas manifestações e usá-las a favor da inovação e de melhores produtos e serviços para a Tecnisa. Afinal, vivemos uma época onde precisamos inovar em massa, pois somente produzir em massa não é mais suficiente”, esclarece Romeo Busarello, diretor de Internet da Tecnisa.

   O portal se inspira no conceito de inovação aberta (open innovation), ainda pouco abordado pelo mercado, mas que já conta com iniciativas de sucesso aplicadas por empresas multinacionais na Europa e Estados Unidos. Para desenvolver este projeto, a Tecnisa partiu da análise do novo perfil do consumidor que, estimulado pelas facilidades promovidas pelos meios digitais nos últimos anos, consome como quer e onde quer e gosta de ser ouvido. “Para atender este novo consumidor, as empresas precisam apostar em estratégias que incluem disponibilizar múltiplos canais de contato, sejam eles físicos ou virtuais, em diferentes plataformas, e explorar o conceito de encontrabilidade na web, ou seja, é preciso estar acessível e fácil de ser encontrado onde quer que esteja o consumidor no universo virtual”, esclarece Busarello.

   A iniciativa não quer ser só um espaço para captar ideias. A Tecnisa acredita que as colaborações dos internautas poderão tornar-se uma interessante ferramenta de pesquisa que permitirá a identificação de tendências. Se, por exemplo, várias contribuições estiverem ligadas ao bem-estar, a Tecnisa poderá entender que esta é uma aspiração dos consumidores e que merece mais atenção, podendo influenciar futuros projetos.

   A história da Tecnisa utilizando técnicas de crowdsourcing - modelo de produção que utiliza a inteligência e os conhecimentos coletivos e voluntários espalhados pela internet - para envolver seus consumidores no desenvolvimento de novos produtos e serviços ganhou força após uma ação bem sucedida realizada em abril de 2009 nas redes sociais, com usuários do Orkut. Na época, a Tecnisa entrou em contato com comunidades ligadas à gerontologia e lançou um desafio, solicitando ideias possíveis de serem aplicadas em empreendimentos projetados para incluir pessoas da terceira idade ou com restrições de movimentos, que normalmente não podem usufruir com plenitude das áreas comuns dos condomínios e de determinados espaços de sua própria residência. Para as melhores sugestões, a Tecnisa pagou R$1.500,00. “Em dois meses, recebemos 220 sugestões. Selecionamos as três melhores, que poderão ser aplicadas em futuros lançamentos. Foi um excelente resultado que demonstra que o sistema de inovação aberta funciona”, afirma Busarello.

   No início de 2010, os resultados da participação no site Battle Of Concepts, portal que propõe desafios de empresas a universitários e jovens profissionais, também serviu para reafirmar à construtora que investir em seu próprio site de incentivo à inovação seria uma evolução natural. “Com o Tecnisa Ideias queremos potencializar a característica colaborativa dos consumidores. Entendemos que vivemos em um mundo plano, onde todos podem comprar, colaborar e criticar seus produtos, onde quer que estejam. Com este portal, oferecemos ao consumidor um espaço democrático para ouvi-lo”, reforça Busarello.

   No Portal Tecnisa Ideias, os internautas terão a oportunidade de enviar ideias, que receberão comentários dos usuários e serão também votadas pelos mesmos. Também haverá a possibilidade de os internautas enviarem perguntas que serão respondidas pela Tecnisa e por outros membros da comunidade. Além disso, o projeto prevê em sua segunda etapa a promoção de desafios para resolução de problemas específicos indicados pela empresa. Estes desafios terão regulamentos específicos e recompensas financeiras. / www.tecnisaideias.com.br

   Tecnisa é uma das empresas mais inovadoras do Brasil

A Tecnisa é uma das 20 empresas brasileiras premiadas com o Best Innovator 2010, o ranking das Empresas Mais Inovadoras do Brasil, promovido pela consultoria A.T. Kearney e Época Negócios. O prêmio avalia a cultura e a estratégia de inovação das empresas e os consequentes resultados obtidos com cada projeto. O anúncio das empresas vencedoras foi realizado em evento em São Paulo no dia 9 de setembro.

   A inovação sempre esteve presente na história da Tecnisa. Ao longo de seus 33 anos, a empresa imprimiu como diferencial da marca a disposição de inovar continuamente em todas as áreas: seja na maneira de construir respeitando o meio ambiente, lançar novidades e facilidades nos empreendimentos, antecipar tendências, se relacionar com seu cliente ou na maneira de abordar futuros clientes. Foi assim quando a Tecnisa decidiu usar a plataforma Tikiwiki para aprimorar a gestão do conhecimento. A ferramenta, totalmente on-line, utiliza o mesmo princípio do portal Wikipédia e armazena conteúdo de diferentes áreas, permitindo consultas, inserções de conteúdos e disseminação de informações para seu corpo técnico de engenheiros, arquitetos e gestores.

   A inovação na área de engenharia se traduz pelo respeito ao meio ambiente, com a racionalização de recursos nos canteiros, na busca por soluções tecnológicas que otimizem os fluxos de trabalho, pelo lançamento de novos espaços nas áreas comuns - como o Pet Care e o Welness Center - ou antecipando tendências, como no projeto Construir com Consciência Gerontológica, que prevê adaptações para atender a terceira idade.

   Um dos exemplos mais emblemáticos da inovação na Tecnisa é o uso da Internet como forma de divulgar a empresa, o que acabou gerando a venda de apartamentos por meio do Twitter e do aplicativo de iPhone.

   “A inovação faz parte do DNA da empresa e este prêmio é o reconhecimento de um esforço diário para estar sempre na vanguarda, não só do mercado imobiliário. As práticas da Tecnisa têm servido como benchmarking para empresas de diversos segmentos”, Romeo Busarello, diretor de Internet da Tecnisa.

   Realizado pela A.T. Kearney desde 2004 em mais de dez países, esta é a primeira vez que as empresas brasileiras entram na competição. Para chegar a este resultado 120 empresas responderam amplo questionário sobre inovação, que avaliou critérios qualitativos e quantitativos. Após a avaliação inicial, as empresas selecionadas receberam a visita de um auditor da A.T. Kearney, que verificou in loco as práticas de cada empresa./ www.tecnisa.com.br

|TOPO|


Pela 4ª vez consecutiva Cecrisa S/A figura entre as melhores empresas para se trabalhar do Brasil, segundo as Revistas Exame/Você S/A

Aproximação da equipe e gestores, treinamentos, salário variável e premiações fazem parte da fórmula de sucesso

A frase de Isaac Newton que diz “os homens constroem paredes demais e pontes em quantidades insuficientes” está em completa harmonia com alguns dos princípios da Cecrisa S/A, detentora das marcas Portinari e Cecrisa. Ela reflete alguns motivos dos bons resultados da empresa que figura pela quarta vez no guia Você S/A Exame “As 150 Melhores Empresas para Você Trabalhar”. O prêmio avalia o clima empresarial, a motivação da equipe, além de benefícios, gestão e relacionamento. Entre as empresas analisadas, a Portinari foi novamente a única do setor cerâmico escolhida.

   A merecida premiação tem um nome: qualidade de gestão. Na década de 90, a Cecrisa, que atualmente tem 2.200 funcionários, aboliu as paredes das salas, com o intuito de melhorar a interação entre os seus profissionais. Atualmente nem o próprio presidente tem uma sala só para si. A iniciativa melhorou a comunicação, aproximou os gerentes das equipes e trouxe mais transparência para o dia a dia. Dessa forma o trabalho em conjunto e o foco nos projetos também aumentaram.

   Comemorar em grupo os bons resultados também faz parte do dia a dia da companhia, que estimula a iniciativa com o Programa de Participação nos Lucros e Resultados – PLR. O objetivo, que prevê uma remuneração a mais conquistada através do alcance de metas pré-determinadas, é reconhecer e valorizar o esforço e dedicação dos profissionais. Para alguns colaboradores, a remuneração extra representa até 2,7 salários mensais por ano. Todos os profissionais de supervisão e gerência, além do salário fixo recebem variável mensal em função dos resultados obtidos.

   Comprometida com a qualificação dos profissionais e buscando reconhecer sua equipe, as contratações de colaboradores externos a seus quadros só são feitas após intensa busca interna sem sucesso. A Cecrisa também oferece oportunidades aos estagiários, sendo que boa parte deles são efetivados posteriormente. “A geração Y entra com pressa de crescer, mas percebe que aqui existe a oportunidade de fazer história com dedicação e paciência. Temos na empresa gestores que iniciaram suas carreiras como estagiários” comenta Patrícia Orlandi, do RH da Cecrisa.

   Não basta a fidelidade à empresa para crescer nela. É preciso qualificação e, investir em treinamento é prioridade para a Cecrisa. Há cursos externos e internos, programas de novos talentos e aprimoramento em liderança que ajudam inclusive na questão comportamental do indivíduo. A empresa valoriza e paga as ideias dos funcionários que trazem benefícios para a empresa. Além disso, dá prioridade ao bom atendimento ao cliente interno, e as áreas são avaliadas continuamente pelos funcionários, que dão o feedback através de votação.

   Por tudo isso, os profissionais responderam aos questionários da revista e postaram via correio direto para a redação, classificando a Cecrisa como uma das melhores empresas para trabalhar em todo o país. Quando se derrubam as paredes há mais espaço para construir inúmeras pontes que fortalecem uma marca./ www.ceramicaportinari.com.br
|TOPO|


Vendas do varejo de material de construção sobem 3,7% em agosto

Desempenho confirma tendência de alta do setor, que deve crescer 11% em 2010

A Anamaco (Associação Nacional dos Comerciantes de Material de Construção), entidade que representa as 138 mil lojas de material de construção no país, divulgou nesta quarta-feira,08 de setembro, estudo realizado pelo Ibope Inteligência sobre o desempenho do setor no mês de agosto.

   Segundo análise da entidade, o varejo do setor apresentou um crescimento de 3,7% em agosto sobre julho de 2010. Já na comparação entre agosto de 2010 sobre agosto de 2009, o desempenho foi 9,5% superior. No acumulado do ano (janeiro a agosto) o segmento de material de construção cresceu 10,6% sobre o mesmo período do ano passado.

   Segundo o estudo divulgado pela Anamaco e desenvolvido pelo Ibope Inteligência, o maior desempenho foi o do setor de tintas, com 7,3% de aumento. Já os segmentos de aço, telhas e tubos de PVC ficaram estáveis, com crescimento de 0,5% (um pouco menor do que o obtido no mês de julho).

   O segmento de argamassas cresceu 4,9% no mês, seguido pelos setores de revestimentos cerâmicos (4,5% de aumento de vendas), interruptores (4,0%), cimento (3,6%), fios (3,3%) e metais sanitários (3,3%).

   Para o presidente da Anamaco, Cláudio Elias Conz, as variações foram positivas e confirmam a tendência de alta do setor que, segundo as previsões da entidade, deve crescer 11% em 2010 sobre 2009, quando bateu recorde histórico de faturamento (R$ 45,04 bilhões). “O que mais tem chamado a nossa atenção é o otimismo dos revendedores. Quando perguntamos sobre a perspectiva de vendas para setembro, 68% dos entrevistados responderam que elas serão ainda melhores”, declara Conz./ www.anamaco.com.br

|TOPO|


Grupo Maio/Paranasa investe na rede hoteleira de Itaboraí, RJ

Acompanhando o desenvolvimento da região, hotel Ibis começará a ser construído no primeiro trimestre de 2011 e tem investimento de R$ 40 milhões

De olho no aquecimento do setor de óleo e gás, uma das maiores construtoras e incorporadoras do Brasil, o Grupo Maio/Paranasa, com 10 anos de atuação no segmento hoteleiro, une-se, mais uma vez, à Rede Accor para novo empreendimento, o Ibis Itaboraí, que fica na cidade de mesmo nome, na região metropolitana do Rio de Janeiro. Com investimento de R$ 40 milhões, o Ibis Itaboraí terá 200 apartamentos, com obras iniciadas no primeiro trimestre de 2011 e com conclusão prevista para o primeiro semestre de 2013.

   Estrategicamente localizado na Avenida 22 de Maio, com visibilidade para o centro de Itaboraí, para o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro da Petrobras (COMPERJ) e para a BR-101, o hotel tem o objetivo de atender o público que vai circular em torno do COMPERJ, tanto em sua fase de implantação quanto na fase de operação. Além disso, o empreendimento irá gerar 150 empregos diretos e 250 indiretos para os trabalhadores da região, além de contribuir para o aquecimento do comércio local.

   Parceria que deu certo - Em uma parceria que já dura mais de 10 anos, o Grupo Maio/Paranasa e o Grupo Accor (que é a maior operadora do mercado brasileiro e um dos maiores grupos mundiais de Hotelaria, Turismo e Serviços, presente em 140 países) foram responsáveis por uma mudança no conceito de hospedagem em Belo Horizonte, com empreendimentos como o Mercure Vila da Serra, Ibis Belo Horizonte Liberdade, Ibis Betim Contagem e Formule 1. São hotéis que proporcionam aos turistas o melhor custo, benefício e qualidade, com o tradicional acolhimento da Accor Hospitality.

   Outros empreendimentos que prometem ser sucesso de ocupação na capital mineira são o Ibis Savassi, que já está em construção e tem conclusão prevista para junho de 2011, e o Site Afonso Pena, que é constituído por uma torre do Formule 1 e uma torre do Ibis, com previsão de término para fevereiro de 2013.

   Tais empreendimentos representam a concretização da liderança do Grupo na implantação de empreendimentos hoteleiros de sucesso em Belo Horizonte./

|TOPO|


 

 

 

| principal |