arqbrasil

[Para ver este e-mail como página da WEB]

infotec | 422

atendimento@tecno.com.br

Essa mensagem foi originalmente enviada para: #e-mail#

Caso não queira mais receber nossos comunicados, clique aqui para ser removido.

A experiência da Tecno na fabricação de cadeiras para espaços corporativos vivenciada desde 1993 determinou a solidez de sua marca no mercado. A Tecno possui uma fábrica moderna que investe, constantemente, no desenvolvimento de novos produtos, oferecendo soluções aliadas ao conforto, ergonomia e durabilidade. Um rigoroso processo de controle de qualidade resulta na excelência dos produtos e, por isso, a empresa é certificada pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) NBR 13.962, por atender aos requisitos da Certificação Internacional ISO 9001- ABS Quality Evaluations. Sempre atenta às novas tendências do mercado, a Tecno vai além, investindo em produtos inteligentes que se adaptam às formas e necessidades ergonômicas do corpo humano, ampliando a produtividade e garantindo o bem-estar no ambiente de trabalho. Além disso, a empresa orienta e treina seus colaboradores, com o intuito de oferecer ao cliente um tratamento diferenciado, o que mostra, mais uma vez, o profissionalismo e comprometimento da Tecno. A Tecno, acreditando no princípio da inclusão social, iniciou em 1993 a contratação de pessoas com necessidades especiais, que representam hoje 30% do seu quadro funcional, através da parceria com uma escola do 3º setor. No Brasil, torna-se cada vez mais evidente para as empresas a importância de tratar a diversidade com primazia em sua agenda de responsabilidade social e de considerá-la um tema decisivo para seu desempenho organizacional. A diversidade pode tornar-se um sinônimo de qualidade de vida no trabalho. Nas relações externas – com parceiros, consumidores, sociedade –, e como um princípio de atuação agrega valor à imagem da empresa. A inclusão social é uma meta a ser alcançada pela sociedade com um todo de forma compartilhada. Desta forma, as empresas estão assumindo cada vez mais a sua missão social de valorizar a diversidade da mão-de-obra, o que lhe permite: Aprender a usufruir todo potencial resultante das diferenças positivas entre os seus empregados; Valorizar sua marca e produtos; Melhorar a produtividade; Aumentar a satisfação no trabalho; Diminuir a vulnerabilidade legal, etc